26 março 2012

John Perkins "Portugal está a ser assassinado,como muito países do terçeiro mundo, já foram"

Caríssimos, já aqui tinha colocado em 19 de Maio de 2008 um post sobre o livro de John Perkins, "Confissões de um assassino económico", editado em Portugal pela Pergaminho em 2007 com o título "Confissões de Um Mercenário Económico: A face Oculta do Imperalismo Americano". Quem o leu ficou a perceber como se urdem todas as tramas e jogos políticos em torno da defesa dos grandes interesses instalados do grande capital. Delapidam-se economias, destroem-se vidas, inventam-se motivos de guerra. Vem pois a propósito, este clip de John Perkins, sobre a interferência nas economias, passa-se o mesmo relativamente ao que acontece na Europa, Irlanda, Grécia, Portugal, Espanha, e todos os outros países que seguirão. Um facto já é constatável, embora facilmente previsivel, os nossos governantes aínda insistem em enganar o Povo, Portugal não consegue reduzir o défice, a dívida aumenta e cairá forçosamente na renogociação da dívida pública e por aí adiante, satisfazendo sempre a avidez dos abutres sem escrúpulos. Por fim a perda da soberania e o empobrecimento geral em beneficio de alguns.
(  link da entrevista de John Perkins em: ionline.pt)




Portugal terá de pagar juros de 34,4 mil milhões de euros pelo salvamento de 78 mil milhões acordado este ano com o FMI, BCE & UE – ou seja, o total a ser devolvido aos ditos "salvadores" será de 112,4 mil milhões de euros (juros + capital). Um salvamento assim é como atar um peso de chumbo a alguém que esteja a afogar-se. Tal empréstimo jamais poderá ser pago – o objectivo deliberado da troika foi submeter o país de modo permanente à servidão da dívida.
A verdadeira saída para esta situação, a única que atende realmente aos interesses do povo português, é a recuperação da soberania monetária do país e a libertação das peias da UE. Os custos da saída do euro são inferiores aos custos da permanência no mesmo, com a consequente escravização eterna à ditadura do capital financeiro.

"Os Islandeses colhem beneficio da sua revolta" in Resistir info.

Sem comentários:

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas