24 dezembro 2011

Natal sem Natal para muitos milhões


Vou aqui falar do Natal. e o que representa esse dia, para muitos milhões de pessoas, que vivem 365 dias à margem da sociedade, sem emprego, sem casa, sem ter que comer.
Para esses milhões pessoas, não existe Natal, é apenas mais um dia, igual a muitos outros, onde procuram sobreviver à cruel realidade que os cerca, que os asfixia, que os devora.

Nada muda no Natal, para esses milhões e milhões de pessoas, apesar de nesta quadra, alguém se lembrar que essas pessoas existem, dando-lhes uma ceia de Natal. No entanto, continuarão no dia seguinte, a ter as mesmas dificuldades, as mesmas angústias.
E assim vai este mundo, todos os dias, todos os natais.

É, assim, infelizmente, a triste realidade que nos cerca, neste mundo injusto e cruel.
Mas uns quantos, não há crise! Continuam a esbanjar dinheiro em luxuosas prendas e jantares principescos, à custa desses mesmos marginalizados. São eles, empresários irresponsáveis, que levam as empresas à falência, levando milhões de pessoas ao desemprego, ao desespero, à miséria...e políticos corruptos, que sugam até ao tutano o erário público, levando os países à banca rota, e os povos ao desespero.
E em cada dia que passa, cada vez o mais fraco é esmagado e submetido aos senhores do capital, onde sugam o dinheiro de todos nós, até ao tutano.

Mário Margaride

1 comentário:

victor simoes disse...

Olá Mário Margaride, Um Bom Natal para ti e toda a família é o que vos desejo.

Já sabemos que o espírito Natalício, não vai além desta data, infelizmente o egoísmo de todos, manifesta-se pela ausência de solidariedade. O problema torna-se mais gravaso pela manutenção e o despoletar destas crises financeiras, que são geradas pelos que apelido de "consumidores de oxigénio", aqueles que são detentores do capital e da capacidade expeculativa, que vivem disso mesmo, expecular, trafico e corrupção! Não incluiria os empresários, pois esses criam empregos, movem a economia e dão emprego, claro que também os há sem qualquer pejo,ou ponta de humanismo e se aproveitam para explorar o mais que podem quem para eles trabalha.
Como referi no meu post, que precede este, o mundo precisa de um novo modelo, e se abandonarmos o Estado Social, a miséria e o aumento da pobreza, com as consequencias sociais que daí advirão, encaminhar-nos-á para o abismo.

Feliz Natal
Bom Ano Novo.

Um abraço

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas