28 fevereiro 2011

NEGRUME

Que fazer da escuridão
involuntária, esta mancha
presa ao corpo?
As janelas,
traidoras, vão mostrando
o que deviam esconder.
E o mundo desaperta-se
ao mínimo discuido.
Basta perguntarmos
as horas ou pedirmos
ao balcão, um copo
de água fresca.

JOSÉ MÁRIO SILVA

Sem comentários:

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas