13 fevereiro 2011

Notícias para meditar




Imagem da Net

2 comentários:

victor simoes disse...

Caro amigo João Soares, não é de todo surpresa, os elevados lucros da Galp, o que continua a surpreender é a imoralidade dos políticos que continuam a não ver que existe concertação de preços entre as gasolineiras. A livre concorrência não existe, mas sim um pacto para enriquecer aínda mais, os grandes financeiros e capitalistas e empobrecer todos os outros. É claro que a tudo isto não é alheia a moderna democracia e todo o espectro político travestido de socialistas e sociais democratas.
É uma vergonha, que nos adianta a grandeza da Galp, se não beneficia em rigorosamente nada os portugueses, nem o país.
Esses senhores financiam-se na Banca, e aínda deduzem os juros, no IRC, efectuando assim fuga aos impostos, como foi explicado no post anterior um artigo por mim traduzido do Prof.Alexander Rüstow, só o trabalho é taxado.

Por isso continuaremos a ver Portugal a afundar, como dizia o Dr. José maria Martins, para quando a Revolução e revolta popular? Só assim poderá mudar o que os políticos não conseguem!

É preciso é gente honesta, nada acontece por acaso!

Um abraço

A. João Soares disse...

Caro Amigo Victor Simões,
É como diz . A imoralidade é a discrepância entre o enriquecimento abusivo dos já ricos accionistas da GALP, de bancos e de outras empresas, e o empobrecimento da maior parte da população.

Os governantes nada podem fazer porque estão condicionados pelos do bando, isto é os «boys» dos tachos, os políticos que querem usar as grandes empresas como lar da terceira idade, e pelos donos do capital a quem a política tem de obedecer! Não podem deixar que se zangue uma comadre para não se saberem as verdades das falcatruas existentes.
É preciso uma mudança radical, mas depois se não houver manifestações bem activas quem vier a seguir continuará em rota semelhante. O 25 de Abril acabou por não produzir uma diferença muito útil ao povo menos protegido. É preciso disciplina, autoridade, mas com gente de bom moral na cúpula.

Um abraço
João
Do Miradouro

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas