03 outubro 2007

ALGUMAS QUEZÍLIAS.

Num passado recente, foram muitas a s vozes que se levantaram, e tiveram quezílias entre si. Havia outrora, vozes bem mais abundantes neste espaço, criado para o efeito, espaço este que pena e que deixa aquém das expectativas, quem o visita. Mas não deixarei morrer a Voz do Povo, ela está adormecida, apenas e só. Nunca embarquei em opiniões, nem segui as mesmas formadas ou não, sobre A, B ou C, apenas, dentro da minha maneira de ser e de ver este mundo, cruel, sem RUMO, este país principalmente, apenas me guiei e guiarei pelos meus instintos, certos ou errados, mas sempre a tempo de corrigir os meus erros, quando entender que os cometi, aí sei estar a ser o mais coerente e honesto possível para com os meus leitores e camaradas bloguistas. Peço por fim a todos, que reflictam, pensem, analisem e digam de sua consciência, que É ISTO QUE EU QUERO PARA O MEU PORTUGAL!

Obrigado a todos.

Carlos Rocha

3 comentários:

A. João Soares disse...

Caro Beezz,
Um bom conselho prático. Continue com o seu lema e não deixe que o calem.
Um abraço

Mário disse...

Quem o quer calar?
Continue Carlos...

Eu há muito que sou "perseguido" pelas minhas opiniões.

Continuo a expressá-las omde não me controlam porque não dão comigo, por mais que queiram. Apenas isso.

A Voz do Povo vai-se calar e porquê? Portugal está um MARASMO e precisa de VOZES. O Carlos tem sido coerente, penso eu, pelo menos no que tenho lido e no contacto consigo.

Sabe que mais? Sou incapaz de guardar rancor a alguém, por mim, mas quando toca a um familiar meu, ou um verdadeiro amigo, Deus tenha piedade deles!

As opiniões são difrentes? E depois? Isso é que traz validade a este espaço. Se soubermos respeitar os outros, trocando ideias será muito construtivo. Mas impor não. O Carlos tem ido bem, apesar de eu não concordar em parte com algumas das suas opiniões, mas sei que o faz por Portugal e pelos que sofrem tal como eu.

Os corruptos e os que têm que se lhe diga estão em todo o lado. Até lá no... por isso é preciso cuidado com as palavras insultuosas, mas a opinião deve continuar a ser bem GRITADA!

Afinal dizem que isto é uma espécie de democracia!

Abraço do Mário

david santos disse...

Olá, Carlos!
Estou de acordo com o meu amigo, quando fala em tolerância, porque o tolerar é o dever de cada pessoa civilizada. Mas ainda estou mais de acordo, porque não diz que tolerar é passar uma esponja por muita coisa que foi dita. Se assim fosse, eu já não estaria de acordo com o meu amigo. Ao contrário do que aconteceu sempre; ou quase sempre.
Quanto ao marasmo de a Voz do Povo, eu, sinceramente, acho que não. Acho a Voz do Povo muito bem e, para isso, basta ver as visitas, não no contador de cima, porque esse não conta nada bem, mas na bolinha que repete as visitas. Embora eu não esteja a participar, porque actualmente não posso, mas passo de quando em vez dar a minha olhadela e, com franqueza, não acho que com tantas visitas, a Voz do Povo esteja a ser o marasmo. A discussão é que é diferente, para melhor. É que eu penso. Quanto a mim, a partir de Janeiro, cá estarei de novo. Mas uma coisa, eu posso garantir: não venho melhorar nada. Venho colaborar, como é lógico, mas penso que melhor; e esta é a minha perspectiva, a Voz do Povo está muito bem. Claro que pode haver uma coisa ou outra que sirva de mais ou menos realce, mas enquanto a Voz do Povo continuar a ter as visitas que tem, não vejo que se lhe possa apontar de marasmo. Mas visitas no tal contador, porque o outro, o que está cá em cima e por acaso anda por aí em muitos blogues, aponta aquilo que nós quisermos que ele aponte. Basta entrar e sair do blogue e logo aponta mais uma visita. Por isso, não esteja desanimado por ver números elevados em alguns blogues, porque estes, se puserem lá um contador igual ao que a Voz do Povo lá mais abaixo, aquela bolinha que conta os países, a diferença da Voz do Povo para alguns que andam, aparentemente, a ter mais visitas, é abismal.
Abraços e nunca se cale.
Até sempre.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas