02 outubro 2007

Idosos são «activo» válido

Segundo notícia do JN de hoje, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, alertou para que 80% da população mundial continua privada de sistemas de protecção social na velhice e insistiu para que os governos adoptem medidas.

Afirmou que "enquanto os mais velhos foram vistos como uma carga para a sociedade, agora cada vez mais são reconhecidos como um 'activo' que pode e deve ser aproveitado".

Este alerta surgiu na data em que se assinala o Dia Internacional do Idoso.

Segundo a ONU, a proporção mundial de idosos poderá ultrapassar, em 2050, os 22%, o dobro da actual. Nos países em desenvolvimento, a percentagem poderá atingir os 80%.

Os «Sempre Jovens» são um exemplo de que a sabedoria acumulada ao longo da vida profissional são um ‘activo’ de alto valor que pode ser muito útil à sociedade, assim esta queira estruturar-se para aproveitar esse potencial de experiência em actividades de apoio à construção de um futuro mais feliz como, por exemplo, em regime de voluntariado na saúde, na cultura, no ensino, etc.

Sobre este tema sugere-se a visita aos posts seguintes:

Saber de experiência feito
Cuide dos seus idosos
Idosos vistos com humor
A velhice existe?
Quando envelhecer
Idosos ou velhos?

Foi publicado em
SEMPRE JOVENS http://cvssemprejovens.blogspot.com/

6 comentários:

Marreta disse...

O Kofi Anan tem razão, mas não me parece que por cá se dê muito impoprtância ao activo válido que eles podiam representar, a começar pelo mundo empresarial...

A. João Soares disse...

Preferem os imigrantes. Estes, enquanto não aprendem as «regras» locais deixam-se explorar.
Por outro lado os empresários inexperientes não gostam de ter ao lado o alarme para a sua má consciência. Sa~po como os ministros que se rodeiam de meninos sem experiência que induzem em erros, em ves de seniores experientes que lhes fariam a análise dos problemas a fim de serem melhor resolvidos.
Os ignorantes temem ter ao lado crânios com sabedoria superior à sua.
Abraço

Joana Dalila Santos disse...

Cá são inactivos inválidos, infelizmente.

O Guardião disse...

O respeito para com os idosos deixou de ser uma realidade neste mundo egoísta. A sabedoria e a experiência tem sido desprezada e não é só no mundo do trabalho.
Vamos pagar isso bem caro no futuro próximo, mas há muita gente que ainda não tomou consciência do facto.
Cumps

Beezzblogger disse...

Infelizmente uma realidade bem cruel, mas os nossos idosos, assim como todos os idosos, são e cada vez mais negligenciados, eu sei o quanto isto lhe toca meu caro A João Soares, respeito-o muito por isso, pela sabedoria, pois a idade assim o demonstra, quer queiramos quer não, a idade é o saber.

Mas, nós temos o dever de respeitar e de dar valor à sabedoria dos mais velhos, aliás eu aprendo muito com eles, e espero poder aprender sempre ao longo da minha vida.

Bem haja por este Post.

Abraços do beezz

A. João Soares disse...

Joana Dalila Santos, O guardião, Bezzblogger,
Agradeço as vossas palavras simpáticas. Pessoalmente não tenho razões de queixa. Não tenho tempos mortos. Depois de deixa a chamada vida activa, não tenho dado descanso ao cérebro. Fui professor em regime de voluntariado em três «universidades» para a terceira idade, actividade que deixei por limitações impostas pela vida doméstica. Passei a escrever cartas para jornais, duas ou três por semana, que tinham boa aceitação, a toca de e-mails passou a ocupar horas por dia e, há pouco mais de um ano, dedico-me intensamente aos blogs. E mantenho vários almoços de tertúlias por mês, o que me permite ter em equilíbrio a emotividade e o conhecimento das realidades nacionais e internacionais.
Mas na generalidade, o não aproveitamento dos idosos começa nas famílias em que não lhes é dada oportunidade de ajudar os netos a crescer, de os ensinar a estudar de lhes transmitir algo do que sabem, que em muitos casos é muito.
Nisto as civilizações tradicionais africanas dão lições em que as tribus têm os conselhos de veteranos que são ouvidos pelos sobas antes de serem tomadas decisões importantes.
Nem todos os velhos são casmurramente conservadores, mas todos são prudentes e seguros e têm a noção dos escolhos a evitar.

Visitem o blog Sempre Jovens
Abraços

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas