29 junho 2007

MAS QUEM ANDA A TRAMAR A JUVENTUDE NORTE-AMERICANA?

Publicado no teletexto da TVE, Rádio Televisão de Espanha, informação recebida de fonte do Exército Norte-americano, já morreram 3562 militares daquele exército e outros 53000 foram mutilados, após a (invasão criminosa e terrorista ao Iraque.) Segundo a mesma fonte, o orçamento de Estado Norte-americano não previu nenhuma verba para dar assistência àqueles infelizes, que caso tivessem sido recordados, a verba estaria estimada em 600 biliões de dólares. Acontece, porém, que uns sem braços, outros sem pernas e outros com ferimentos que não mais lhes permitirão ter uma vida condigna, estes infelizes andam de hospital em hospital sem que nada lhes seja feito para minimizar o sofrimento nem recebem qualquer ajuda material para ajudar os seus familiares. Ao contrário, recebem piropos de terem sido traidores, cobardes e de medricas que deixaram ficar mal o orgulho da Nação.
Apenas estou a falar de mortos de facto e de pessoas mortas para o resto das suas vidas, os mutilados. Pois hão-de ser muitas vezes superiores os números de soldados feridos, ainda que muito feridos, mas com menos gravidade que aqueles já citados.
Para ver que algo há dentro no sistema poderoso e criminoso do governo Norte-americano que nada tem a ver com a paz, mas sim com o terrorismo, vamos ver os seguintes números: no caso de terem passado pela invasão terrorista da América do Norte ao Iraque 300.000 soldados americanos, as contas são boas de fazer, os patriotas iraquianos, mal armados e em muitos casos com armas indignas desse nome e com a própria vida, destruíram cerca de 20% do exército invasor, bem armado, cheio de ódio e vontade de matar inocentes e todos os patriotas iraquianos que se lhe opusessem.
Antes desta invasão cobarde e terrorista ter acontecido, alguns jornais norte-americanos publicaram os seguintes dados: por cada soldado americano morto no Vietname, houve 8 soldados com ferimentos graves. Neste caso da invasão terrorista ao Iraque, as contas também são boas de fazer, por cada soldado morto do exército terrorista que invadiu o Iraque, até este momento, claro, há 15 soldados invasores mutilados.
Mas quem anda a tramar a juventude norte-americana?

28 junho 2007

DIRECTORA DEMITIDA POR NÃO RETIRAR CARTAZ.


A directora do Centro de Saúde de Vieira do Minho foi exonerada do cargo pelo ministro da Saúde, por não ter retirado um cartaz das instalações do centro contendo declarações de Correia de Campos “em termos jocosos”.



O despacho, publicado em Diário da República, data de 5 de Janeiro de 2007. O Ministério da Saúde decidiu assim que Maria Celeste Cardoso não reunia “as condições para garantir a observação das orientações superiormente fixadas para a prossecução e implementação das políticas desenvolvidas” pela tutela.

O cartaz era uma notícia publicada pelo 'Jornal de Notícias', onde o ministro da Saúde afirmava que nunca tinha ido a um Serviço de Atendimento Permanente (SAP), e que não pretendia ir.A decisão provocou incomodo entre os deputados, nomeadamente entre os deputados socialistas. Manuel Alegre considerou mesmo a decisão como “desproporcionada” e “intolerante”. Para o socialista o despacho está confuso e não permite “perceber o que se passou no Centro de Saúde de Vieira do Minho.
IN CORREIO DA MANHÃ



O mais grave, é que o dito cartaz foi colocado por um médico, que nada mais foi do que uma cópia dum artigo do JN, em que o Sr. Ministro da treta, dizia por palavras suas que nunca iria a uma SAP, e o médico acrescentou por baixo em letras garrafais, um sério aviso aos utentes que dizia o seguinte:



CUIDADO, VOCÊS ESTÃO NUMA SAP!



Todos nós sabemos, que não, sr. Ministro, o Sr. nunca irá a uma SAP, o Sr. e sua família tem os "Lobbies", que lhe tratam da saúde de borla, enquanto o Sr. faz a política destes para abrir hospitais privados, e o zé povinho é que paga, o Sr. ainda é mais crápula do que eu pensava!



E agora pergunto eu:
- Não será, também esta uma forma de ditadura, de opressão, DE ATENTADO AO DIREITO E Á LIBERDADE DE EXPRESSÃO?



MAS A MIM NINGUÉM ME CALA!!!

MOMENTOS DE REFLEXÃO

(QUE TODOS NÓS PRECISAMOS)

"Cada dia é o dia do julgamento, e nós, com nossos actos e nossas palavras, com nosso silêncio e nossa voz, vamos escrevendo continuamente o livro da vida. A luz veio ao mundo e cada um de nós deve decidir se quer caminhar na luz do altruísmo construtivo ou nas trevas do egoísmo. Portanto, a mais urgente pergunta a ser feita nesta vida é: 'O que fiz hoje pelos outros"?

Martin Luther King

Autonomia Nas Acções

Conta um escritor que certo dia acompanhou um amigo até à banca de jornais onde este costumava comprar o seu exemplar diariamente.

Ao se aproximarem do balcão, seu amigo cumprimentou amavelmente o jornaleiro e como retorno recebeu um tratamento rude e grosseiro.

O amigo pegou o jornal, que foi jogado em sua direcção, sorriu, agradeceu e desejou um bom final de semana ao jornaleiro.

Quando ambos caminhavam pela rua, o escritor perguntou ao seu amigo:

- Ele sempre o trata assim, com tanta grosseria?

- Sim, respondeu o rapaz. Infelizmente é sempre assim.

- E você é sempre tão polido e amigável com ele? Perguntou novamente o escritor.

- Sim, eu sou, respondeu prontamente seu amigo.

- E por que você é educado, se ele é tão grosseiro e insultuoso com você?

- Ora, respondeu o jovem, por que não quero que ele decida como eu devo ser.

E você, como costuma se comportar diante de pessoas rudes e mal-educadas?

Importante é que são pessoas como esta, que nos oferecem a oportunidade de reflectir sobre a nossa maneira de ser, nas mais variadas situações do dia-a-dia.

É comuns as pessoas justificarem suas acções grosseiras com o comportamento dos outros, mas essa é uma atitude bastante imatura e incoerente.

Primeiro, porque, se reprovamos nos outros a falta de educação, temos a obrigação de agir de forma diferente, ou então somos iguais e de nada temos que reclamar.

E se já temos a autonomia para nos comportar educadamente, sem nos fazer espelho de pessoas mal-humoradas deveremos ter, igualmente, a grandeza de alma para desculpar e exemplificar a forma correcta de tratar os outros.

Se o nosso comportamento, a nossa educação, depende da forma com que somos tratados, então não temos autonomia, independência, liberdade intelectual nem moral para nos conduzir por nós mesmos.

Quando agimos com cortesia e amabilidade diante de pessoas agressivas ou deseducadas, como fez o rapaz com o jornaleiro, estaremos fazendo a nossa parte para a construção de uma sociedade mais harmoniosa e mais feliz.

O que geralmente acontece, é que costumamos reflectir os actos das pessoas com as quais vivemos, sem nos dar conta de que acabamos fazendo exactamente o que tanto criticamos nos outros.

Se as pessoas nos tratam com aspereza, com grosseria ou falta de educação, estão nos mostrando o que têm para oferecer. Mas nós não precisamos agir da mesma forma, se temos uma outra face da realidade para mostrar.

Assim, lembremos sempre que, quando uma pessoa nos ofende ou maltrata, o problema é dela, mas quando nós é que ofendemos ou maltratamos, o problema é nosso.

Por isso, é sempre recomendável uma acção coerente avalizada pelo bom senso, ao invés de uma reacção impensada que poderá trazer consigo grande soma de dissabores.

Pense nisso!

Se lhe oferecem grosseria, faça diferente: seja cortês.

Se lhe tratam com aspereza, responda com amabilidade.

Se lhe dão indiferença, doe atenção.

Se lhe ofertam mau humor, retribua com gentileza.

Se lhe tratam com rancor, responda com ternura.

Se lhe presenteiam com o ódio, anule-o com o amor.

Agindo assim você será realmente grande, pois quanto mais alguém se aproxima da perfeição, menos a exige dos outros.



Equipe do site www.momento.com.br, com base em história de John Powell.

27 junho 2007

LIVRO BRANCO, DO CÓDIGO DO TRABALHO...


Afinal, era como eu previa, tudo se encaminha para a atrocidade, a malvadez. O governo, recebeu hoje, o livro branco do código do trabalho, um estudo ao longo de 2 anos, que o governo encomendou, vem agora dizer, que os trabalhadores terão de perder direitos, tais como, dias de férias, os patrões poderão despedir a seu bel prazer, o subsídio de férias e natal terá única e exclusivamente como factor de cálculo o ordenado "base", em suma, todos aqueles que recebem comissões, ou prémios e descontam destes, e agora na altura de férias recebiam a média desses descontos e no natal idem idem, aspas aspas, juntamente com o ordenado base, passarão a descontar na mesma, mas desta feita e se isto for avante, deixarão de receber no dito subsídio esses valores, contando só o ordenado base. Também está previsto, mais horas de trabalho, e menos retribuição, em suma, é esta a política da merda ddeste GOVERNO, dos CAPITALISTAS E SANGUESSUGAS, dos MALFEITORES, DOS CORRUPTOS, AH... MAS A MIM NINGUÉM ME CALA, LUTAREI ATÉ QUE SE ME ACABEM AS FORÇAS, OU ATÉ TOMBAR EM COMBATE!!! NÃO ME RESIGNAREI A SER CHULADO, POR ESTES CABRÕES.

PETIÇÃO ON-LINE CONTRA JOSÉ SÓCRATES.

Contra a acusação feita pelo 1º Ministro José Sócrates a António Balbino Caldeira, atentando contra um dos elementares direitos de cidadania – Liberdade de Expressão
Como direito, o cidadão expressa de sua opinião

Ao Sr. Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva:

Sr. Presidente da República, o Sr. 1º Ministro está tomando posições não dignas de alguém que detenha um tal poder de responsabilidade e cargo.

A Constituição da República Portuguesa está sendo infringida pelo próprio órgão de soberania.Artigo 37.º (liberdade de expressão e informação)

1. Todos têm o direito de exprimir e divulgar livremente o seu pensamento pela palavra, pela imagem ou por qualquer outro meio, bem como o direito de informar, de se informar e de ser informados, sem impedimentos nem discriminações.

2. O exercício destes direitos não pode ser impedido ou limitado por qualquer tipo ou forma de censura.

3. As infracções cometidas no exercício destes direitos ficam submetidas aos princípios gerais de direito criminal ou do ilícito de mera ordenação social, sendo a sua apreciação respectivamente da competência dos tribunais judiciais ou de entidade administrativa independente, nos termos da lei.

4. A todas as pessoas, singulares ou colectivas, é assegurado, em condições de igualdade e eficácia, o direito de resposta e de rectificação, bem como o direito a indemnização pelos danos sofridos. Sr. Presidente da República, o estremecimento causado ao título do Sr. 1º Ministro português José Sócrates, primeiramente posto em causa pelo Sr. António Albino Caldeira em seu blogue, não passa de um conjunto de caracteres que em conjunto se transformam em palavras e em conjunto formam textos e mensagens. Tal apenas poderá estremecer o conceito dum facto que se diz adquirido ou manifestamente expresso. Na realidade, uma mensagem não anulará uma habilitação literária se ela de facto existir. Desta forma, uma mensagem não possui um carácter que possa ser nocivo à integridade da existência dessa mesma habilitação literária. Assim, qualquer texto ou mensagem que ponham em dúvida um conceito de facto adquirido e manifestamente expresso, apenas poderá ter a forma de uma especulação, seja ela polémica, ridícula, ou real. Nunca essa especulação poderá pôr em causa um facto em si que seja adquirido, apenas poderá ser nociva para o conceito que o define como facto adquirido se o mesmo conceito estiver alicerçado em bases erradas e incongruentes. Especular-se portanto, é equivalente a uma das formas de liberdade de expressão individual. Liberdade de expressão e informação é o cerne do 37.º artigo da Constituição da República Portuguesa. Um processo jurídico contra uma especulação apregoada de difamatória é sinónimo de abuso de poder. Provindo esse abuso de poder e essa acção processual de alguém que detenha o cargo de 1º ministro é acto a ser repreendido pelo titular do cargo hierarquicamente superior – V. Exa. Urge-se pelas circunstâncias que os factos sejam expostos e que seja tomada uma iniciativa pela parte do Sr. Presidente da República.

(Artigo 3º - Soberania e Legalidade)

1. A soberania, una e indivisível, reside no povo, que a exerce segundo as formas previstas na Constituição.

2. O Estado subordina-se à Constituição e funda-se na legalidade democrática.

3. A validade das leis e dos demais actos do Estado, das regiões autónomas, do poder local e de quaisquer outras entidades públicas depende da sua conformidade com a Constituição. O cidadão expressa de sua opinião, centralizando a problemática não exclusivamente ao caso do Sr. António Caldeira, mas em toda a presente e hipotética futura profanação aos mais elementares direitos de cidadania – Liberdade de Expressão.

Gratos por V. Atenção
Petição online – quem estiver de acordo com o texto desta carta e sinta que deva contribuir para o aumento do numero de assinaturas. Será enviada às 1000 assinaturas para o portal da Presidência da República.

Retirado do blog
"O Pasquim do Povo"

A MINHA JÁ LÁ ESTÁ, É A ASSINATURA Nº 11

24 junho 2007

A "CHULICE" O GAMANSO, CONTINUA...


Vou iniciar aqui, uma saga, dos "Boys & Girls", que vão sendo nomeados, só porque possuem o tal cartãozinho de militante do PS, ou pura e simplesmente, porque são filhos e afilhados dos nossos corruptos políticos da treta. Deviam ser nomeados pelo mérito e pelo saber, é isso que se pede a um governo que queira levar o país para a frente, não para levar os filhos e afilhados, para a frente.

1. Sabem em que consiste a "manutenção" do site do ministério da justiça? Não? Ok! Eu esclareço: trata-se de actualizar conteúdos, um trabalho que provavelmente muitos dos v/filhos fazem lá na escola ou em casa "com uma perna às costas". Por falar em "costas" acham que o ministro Costa recorreu ao ATL e pediu um puto qualquer para tratar do assunto? Não! Trata-se de uma tarefa altamente técnica que justifica uma remuneração de 3.254,00 euros.....mais o subsídio de almoço, claro!!!

2. E sabem quem tem o perfil adequado a essa extremamente especializada função? Não? Ok! Eu esclareço. Trata-se de Susana Isabel Costa Dutra. Susana Isabel Costa Dutra, é (por um simples acaso!!) filha do ministro Alberto Costa.

Et OUI, VOILÁ! POUCA VERGONHA A QUANTO OBRIGAS, MAS A MIM NINGUÉM ME CALA!!!

O TEU RISO

O teu riso

Tira-me o pão, se quiseres,
Tira-me o ar, mas não
Me tires o teu riso.

Não me tires a rosa,
A lança que desfolhas,
A água que de súbito
Brota da tua alegria,
A repentina onda
De prata que em ti nasce.

A minha luta é dura e regresso
Com os olhos cansados
Às vezes por ver
Que a terra não muda,
Mas ao entrar teu riso
Sobe ao céu a procurar-me
E abre-me todas
As portas da vida.

Meu amor, nos momentos
Mais escuros solta
O teu riso e se de súbito
Vires que o meu sangue mancha
As pedras da rua,
ri, porque o teu riso
será para as minhas mãos
Como uma espada fresca.

À beira do mar, no Outono,
Teu riso deve erguer
Sua cascata de espuma,
E na primavera, amor,
Quero teu riso como
A flor que esperava,
A flor azul, a rosa
Da minha pátria sonora.

Ri-te da noite,
Do dia, da lua,
Ri-te das ruas
Tortas da ilha,
Ri-te deste grosseiro
Rapaz que te ama,
Mas quando abro
Os olhos e os fecho,
Quando meus passos vão,
Quando voltam meus passos,
Nega-me o pão, o ar,
A luz, a primavera,
Mas nunca o teu riso,
Porque então morreria.

Pablo Neruda

22 junho 2007

Do you really have feeling to cry these tears


This post is about what USA do to in this world , I don`t hate USA or American people but I do hate it's army ..

This Army destroys more than two countries and killed more than million of incant civilians , and then saying we just attack the terrorists !

Okay , I wanna know from any body here what is the meaning of terrorist ?

I will tell you ..

The terrorist who attack you is just an ordinary human like me and you , his family or beloved friends killed by you , and so he decided to make Retaliation


Do you think that this kid will grow up as a USA lover ! his mother killed between his hands because of your bombs , he will decide to make retaliation and you will call him terrorist !


This is simply the terrorist .. and you ( US Army ) raise the numbers of your haters and your enemies by more killing incant souls ..

USA in the eyes of Iraqi kid now are equals to demon of blood and cruelty so he changed to a rebel to resist the cow boys , the cow boys then called him a Terrorist

and the democracy that Bush bring it to Iraq was not real democracy , it was fake one , it was an insult and a sham for everyone has the American nationality









this not point of view of the Iraqi kid only , but also Afghani kid , Lebanese kid and Palestinians kid

why
Lebanese & Palestinians kid ?
cause you will never prevent Israel from killing them , and you help Israel every day by your weapons and support and UN Vito against any decision will condemns
Israel


Are all these kids terrorists that you want to kill ?


If you really have a mercy , why did you kill me ?


These men may be terrorists in your point of view but USA Army is not angel in the point of view of them ..

I am standing with all the victims in the 9-11 black day and I really love all my friends from USA but I really hate what it's army does every day in Iraq & Afghanistan ..

you learn your kids to write messages to the terrorist on the missiles ..


and thanks to the F-16 missiles post service ! all the messages had been received by our small terrorists


you are the teacher of all the terrorist , you learn people how to kill , destroy with no mercy .. So don`t call them terrorists , call them the rebels of your terrorism ..


في هذا البوست لا ادافع عن الارهابيين بل ابين الفرق بين ابين معنى كلمة مقاوم و لماذا ظهر هذا المقاوم بتلك الصورة الوحشية
انها غريزة الانتقام


USA army destroys a civilian car
what a terrorism


USA army destroys a Mosque
what a shame terrorism



The new NAZI in Palestine
Made By USA



How soldiers help poor kids need clean water




By Sharm

21 junho 2007

62ª RESSURREIÇÃO



Estrela que voou sobre um Céu de esp`rança!
Flor de um jardim, encanto!
Voz popular dum povo, santo!
Braço de planta a crescer harmoniosa!

Filha duma terra grande e gloriosa...
Mulher, menina, senhora brasileira...
Cor da mais linda flor que ninguém odeia
Só com o seu olhar até o Céu brilhava!

Mesmo em vendavais, quando trovejava
Vias claridade onde outros viam enxurradas?
Eram teus olhares de bondade e não de pragas,
Mas o mar parava quando aparecias?

Sim, mas ninguém viu, só tu vias,
A morte a pairar sobre quem não via?
Mesmo em Carnaval, em euforia?
Pobres, só contavam horas, não dias.

Mulher, menina, mas valente.
Ó Elis!
Elis Regina! Até sempre!

Texto: David Santos

NAS ESCARPAS DO TEMPO



Nas escarpas do tempo
Nas montanhas da desilusão
Flutuam sonhos e quimeras
Que trepam tal como heras
Pelo muro da frustração.

Nessas veredas sombrias
Dentro dos cárceres frias
Há um lampejo de luz
No olhar de uma criança
Há alegria, ternura, esperança
Onde seu brilho, reluz.

Nas escarpas do tempo
Nessa vereda sombria
Há o sonho, a utopia, a quimera
Há o sol, há alegria, há Primavera
Há o nascer de um novo dia.

20 junho 2007

A CONCENTRAÇÃO DA RIQUEZA

Nunca ninguém me convenceu do contrário. A concentração da riqueza, por muito que me contrariem, é sintoma de mais miséria.
Os lucros da banca e das principais empresas, SONAE, EDP, GALP e PT nunca foram tão grandes e à medida que a fome e a miséria vai aumentando no nosso País, aquelas empresas vão tendo cada vez mais lucros.
Em Portugal os ricos são cada vez mais ricos e os pobres são cada vez mais pobres.
Os administradores da massa concentrada, diga-se daquelas empresas, tiveram um aumento cerca de setenta vezes superior ao aumento dos trabalhadores que nelas trabalham.
O desemprego aumentou até números nunca vistos. A pequena e média burguesia está todos os dias a engrossar o exército, já muito grande, de pobres.
Este governo não pára de se preocupar em garantir os privilégios e mordomias ao grande capital, atirando quem trabalha para a miséria e para o desemprego.
Porém, como é do conhecimento geral, as sondagens que nos vão chegando acerca das eleições para a Câmara Municipal de Lisboa, com indicações claras, nada de dúvidas, vão dizendo que os partidos que têm semeado miséria por todos os cantos de Portugal serão os vencedores.
Em que ficamos? Quem serão os culpados? Por quê, votar neles?

19 junho 2007

Apedrejada até à morte

Fui apedrejada até à morte, por amar em redundância.
Não chorem por mim agora, nem sintam piedade, agora não vale apena. Já o meu sangue escorre nas mãos dos maiores prevaricadores.
Nasci para ser vendida e não amada, é o que manda a religião xiita, desobedeci às leis malignas da loucura humana.
Mataram-me à pedrada no meio daquela rua de miséria e fanatismo, onde já não resta mais nada...só poeira e guerra.
Agora não precisam tentar julgar os culpados, sempre fomos assim tratadas e o mundo, a corja humana só se preocupa com a política e o poder.
Já passou a era de Maria Madalena, alguém a salvou!
Aqui todos que passavam riam-se, enquanto o meu sangue se espalhava em volta do meu corpo agonizante.
Morri feliz, porque morri por amor.
Guardem as lágrimas e acabem com esta dor, libertem as mulheres deste fanatismo selvagem e aprendam com isto a terem coragem.


Conceição Bernardino

LANÇAMENTO DO LIVRO “O ECO DAS PALAVRAS”


É com enorme prazer que vos anuncio que no próximo dia 29 de Junho, Sexta-feira, no BLÁ BLÁ em Matosinhos, pelas 22h30. Será o lançamento do meu primeiro livro “O eco das palavras”

É com muito prazer que vos convido a estarem presentes neste evento.
Espero poder contar com a vossa presença. Foi graças ao apoio que deram a este cantinho, que contribuíram para que este livro fosse uma realidade. Sem a vossa ajuda, nunca seria possível publicar este livro.
Agradeço a todos do fundo do coração.

Bem hajam! E muito obrigado

Mário Margaride

ISTO TEM QUE DAR PARA LAVAR E DURAR

A primeira parte desta festa foi feita no word e levou 1 minuto e 34 segundos a ser publicada. Deve, na minha perspectiva, ter demorado 3 ou 4 dias, ao autor, claro, a ser construída. Quem tiver dúvidas, que tenha um pouco de paciência, vai ao contador, porque não dá muito trabalho e pode confirmar o que eu estou a dizer. Ainda lá encontra os números dos IPs. Está tudo à mão de semear.

A segunda parte, como eu não uso o word para escrever, é sempre andar, demorou 40 minutos e 28 segundos a construir, mais 42 segundos a publicar.

Leiam isto:

Anónimo said...
Sr. João Soares,Bem haja pela sua sugestão de eu não me incomodar mais com este caso. Mas trata-se de um assunto muito interessante por enquadrar uma situação patológica de contornos curiosos e bastante explícitos. Pelos vistos, o Sr. deixou de visitar A Voz do Povo, mas espero que algum amigo o informe destas minhas palavras. A dada altura, pensei aconselhar o Sr. a processar criminalmente o David pelas ofensas e calúnias despropositadas e sem fundamento que lhe dirigiu publicamente, ao alcance de todo o mundo. Mas cedo reparei que, se o Sr. o chamasse ao banco do tribunal, ele não chegaria a ser julgado em virtude de qualquer advogado, mesmo com pouca experiência, conseguir provar que ele é INIMPUTÁVEL.Ele tem andado com uma DEPRESSÃO grave que se tem traduzido não só nas palavras com que se refere ao Sr., mas também nos posts que tem publicado na Voz do Povo (São expressivos os seguintes: «Antes de partir», em 20 de Maio, «O Inverno», em 24 de Maio e «Solidão compreensiva», em 12 de Junho, para me limitar aos mais recentes). Apresenta sintomas de PARANÓIA, com egocentrismo, falsa concepção dos outros, sensações de receio de não ser considerado o melhor bloguista, tudo isto aliado a ideias persecutórias vendo maldade e terrorismo por todo o lado (são bem esclarecedores os quatro posts contra os EUA, em menos de um mês, 21 de Maio, 9, 15 e 16 de Junho). Na estrutura das suas ideias, em autêntico delírio, deturpa os factos vulgares, por forma a satisfazer a sua carência de segurança psíquica. Repare como ele alimenta a ideia fixa do terrorismo americano, publicando aqui aquilo que encontra mais a seu jeito, sem acrescentar agravos nem atenuantes, e os termos ácidos que usa nas suas poucas palavras escritas sobre este tema. Vale também a pena analisar a forma como reage a qualquer comentário que não se limite a gabar as suas «virtudes» de poeta que compreende todas as línguas do mundo e é conhecido em quase todos os países! Só falta candidatar-se ao prémio Nobel ! Isto são sinais de graves perturbações mentais que o tornam INIMPUTÁVEL se for chamado à responsabilidade pelas afirmações e insinuações que faz. Outro resultado do desequilíbrio mental de que padece é a publicação no dia 15, em comentários, dos endereços dos blogs Do Miradouro e Do Mirante. Com que estranha finalidade? Seria para os comparar com a Voz do Povo?, por eu ter dito que a Voz está a calar-se? Mas ele nem viu, nem percebeu que essa comparação não lhe é desfavorável, pois, como qualquer visitante pode constatar- apenas com uma pessoa a postar, os blogs do Sr. Soares têm neste mês até à data desta provocação, 26 posts cada um,- enquanto A Voz do Povo, com 28 contributors, tem no mesmo período APENAS 8 posts. É uma grande diferença !- Quanto à qualidade dos posts, isso fica à apreciação dos visitantes.- Quanto ao número de visitantes, parece que o Do Mirante tem o contador avariado, o que impede comparações, mas o Do Miradouro, menos publicitado, está com 24 visitas por dia, como qualquer visitante pode fazer as contas. - Em proporção com o número de contributors, A Voz do Povo deveria ter 28x24=672 por dia!!! Talvez ele não queira fazer estas comparações. Então para que publicou os endereços?Na realidade, devido a estas manifestações patológicas, apenas merece COMPAIXÃO e COMISERAÇÃO.Estes sintomas de depressão alternadas com agressividade PARANÓICA, sobrepõem-se a indícios de ESQUIZOFRENIA progressiva e irreversível, bem manifesta na sua reacção anómala ao meio envolvente. São bem visíveis os momentos de indiferença e de desinteresse emocional aqui publicados em 20/5, 24/5,e 12/6, que exprimem uma morbidez pungente ao ponto de, quando não é capaz de ter ideias, recorrer às de outros, chegando a deixar dúvidas se isto não poderá mesmo indiciar tendências suicidas. A sua psicopatia é notória nas suas associações mentais e na afectação da capacidade de raciocinar, embora por vezes aparente lógica dedutiva. Dos oito posts que colocou nos últimos 30 dias, além dos 4 contra os americanos (quase todos cópias), há um sobre um caso humano na Grécia e 3 são doentiamente depressivos, pessimistas e anti-sociais, nada havendo de crítica ou aplauso sobre a realidade envolvente nacional. Está a necessitar de apoio psiquiátrico urgente.Na reacção do David ao meu primeiro comentário de 12/6, reparei que o caso é grave e decidi fazer um segundo comentário em 14/6 para ver se confirmava ou não a minha hipótese de diagnóstico. O resultado foi totalmente concludente, pois ele abriu-se, mostrando os mais elucidativos sintomas da sua perturbação paranóica e esquizofrénica. E agora, perante estas minhas palavras, se ninguém amigo o controlar, irá expelir toda a sua bílis, repetindo aquilo que já escreveu, mas em termos ainda mais agressivos, sem o mínimo rebuço ou recato, como é característico da grave doença mental que o afecta.Para concluir, peço que me permita dizer-lhe que o Sr. Soares faz muito bem em não dialogar com tal indivíduo e em se retirar deste blog, pois não é bom andar com más companhias. Deixe-o falar, porque quem acaba por ficar mal visto é ele. As pessoas que lerem tudo isto não são estúpidas e tirarão as devidas conclusões.CumprimentosJorge Monteiro
Segunda-feira, Junho 18, 2007 10:51:00 AM

david santos said...
Conheço-te bem, palerma! És como os cabos xicos, na tropa! Pensas que enganas alguém! Podes ter a certeza que não sai daqui a postagem nem te vai faltar a resposta que eu entenda como a mais adequada à tua mentalidade. As tuas frustrasções, agora que já não há guerra colonial, estão subjacentes na falta de carácter e de dignidade que tens. Vinhas agora, já com a postagem a desaparecer, pensando que me escapavas, aldrabão!Aparece. És tão mesquinho e tão despido de carácter que te escondes atrás do anonimato para despejar as tuas frustrações. Aparece, grande burro! Aqui não há nenhuma manutenção militar. Se vinhas atrás de encontrar na net esse tipo de coisas, enganaste-te bem.Vens agora com "Jorges Monteiros" ein!!??A Voz do Povo teve muito boa gente, mas também teve alguma canalha, como tu! Aliás, até te dás ao luxo, por aí se vê o "homem" que és, de dizer mal de uma instuição que te permitiu dizer as asneiras e as mentiras que te apeteceu.Não sejas burro! Ou duvidas que eu não sei a peça que tu és!!??Ouve, meu canalha: João Soares! Essa tua mentalidade mesquinha e traiçoeira, faz-me lembrar os cabos xicos no tempo da guerra colonial, que passavam o tempo escondidos dentro da caserna, para ouvir o que os soldados diziam e depois transmitirem aos comandantes de companhia. Neste caso, capitães e primeiros-sagentos xicos: macacos. Não perdeste os hábitos.Aparece! Não sejas burro! Não penses que levas por diante a tua faroleirice, porque quando eu entender, a postagem volta, juntamente com os comentários, para a primeira linha.Palerma!Vai para tribunal, pois então!Faroleiro! Xico esperto! Ratinho! Sabes o que é isto, de ratinho!?Estes eram os transmontanos, coitados, que eram contratados por os grandes donos da terra, para irem para o Alentejo boicotar as lutas dos trabalhadores alentejanos. Tu és outro ratinho! Só que os outros, com o 25 de Abril, desapareceram. Mas tu queres subsistir. Queres-te aguentar!Ratinho! Palerma! Estiveste de volta do dicionário tanto tempo para despejares estas parlermices tão mal enquadradas e tão desligadas, contextualmente.Tu, que em tempos, para ofender o Mário Mragaride, falavas em sujeito, predicado e complementos, etc... e nem sabes concluir um período nem construir uma frase simples. Mas, para te gabares, até te intitulas de erudito! Não sejas burro! Aparece sempre. Quero voltar a levar o texto para a primeira linha, juntamente com os comentários. Podes ter a certeza que desta vez nao sais ileso. Essas tuas faroleirices, a não ser que eu morra antes, não vão ficar sem resposta! Fazer comparações com visitas entre a voz do Povo o mirante, que é isto!? Que tenho eu com isto!? "Paranóia, esquizofrenia, imputável, compaixão, pungente", tanto tempo em redor do dicionário para dizer estas parlemices todas!?Mas é que nem sabes enquadrá-las, se ao menos tivesses jeito para enquadrar as palavras de acordo com o seu signicado, pelo menos as pessoas ficavam com a ideia de teres a terceira classe antiga. Bem, também para ser primeiro cabo xico, o analfabetismo já chegava.Aparece sempre! Cá estarei para te responder. Não perco tempo com o dicionário. Como podes ver, a resposta já está cá. Não andei, como é o teu caso, uma semana a rondar o dicionário para despejar asneiras sem sentido e desenquadradas de qualquer linhagem de uma escrita medíocre. É que nem este nível atinge.Aparece, mas era bom que aparecesses, não a falar para ti via, "Jorge Monteiro", mas de cara levantada, sem te refugiares nos teus anonimatos. Anda sempre, cá te espero.
Segunda-feira, Junho 18, 2007 1:09:00 PM

Reparem na forma como são tratados os substantivos e adejctivos de ambos os textos.

Há mais no texto que está postado mais em baixo. Aliás, o texto que tem dado origem a esta peça. Peça, que espero, não acabe nestes meses mais chegados. Sempre com casa cheia.

18 junho 2007

BLAIR LAMENTA QUE BUSH NÃO PREPARASSE PÓS-GUERRA

Jornal de Notícias, 17 de Junho, de 2007

Tony Blair transmitiu preocupações à Casa Branca, mas sem sucesso. O primeiro-ministro britânico, Tony Blair, lamentou que os Estados Unidos não tenham elaborado um plano para o período seguinte à invasão do Iraque, revelaram vários dos seus colaboradores mais próximos. Esta informação foi avançada por estes responsáveis durante um documentário televisivo intitulado "Ascensão e queda de Tony Blair", cuja primeira parte deverá ser difundida sábado pelo canal "Channel 4". Nos comentários publicados ontem pelo jornal "Observer", os membros do círculo próximo de Tony Blair salientaram que este decidiu enviar as tropas para o Iraque em 2003, suspeitando que Washington não preparara "adequadamente" o período de reconstrução do pós-guerra, uma vez capturado o ditador Saddam Hussein. Tony Blair terá transmitido, sem sucesso, as suas preocupações à Casa Branca e o presidente George W. Bush ter-lhe-á oferecido uma saída, ao dizer-lhe que talvez existisse "um outro meio de envolver a Grã-Bretanha". Blair terá recusado, reafirmando estar pronto para seguir em frente, ao lado do presidente norte-americano. Peter Mandelson, um dos mais antigos ministros de Blair, afirmou que o primeiro-ministro britânico sabia que os preparativos de Washington eram insuficientes, mas que se sentia "impotente para agir". "Deveria ser dada uma grande atenção ao que se iria fazer após a detenção de Saddam Hussein", disse o actual comissário europeu do comércio.

16 junho 2007

OS DISPARATES DO PRESIDENTE URIBE

por Apolinar Díaz-Callejas [*]

O país está perplexo com a conduta e a actual situação psicológica do presidente Álvaro Uribe Velez, pois neste momento da sua administração salta constantemente de um disparate para outro: continua empenhado em ser o único presidente latino-americano submetido voluntariamente aos ditames do presidente Bush. O presidente Uribe Velez está perante o facto de que o Congresso colombiano, dominado pelos membros eleitos sob as suas bandeiras, tem muitos deles presos devido aos seus acordos ilícitos e imorais com paramilitares. A conclusão geral é que nas duas eleições que foi objecto Uribe Velez a sua vitória deveu-se ao apoio dos grupos paramilitares. Os tropeços e disparates do presidente Uribe Velez têm a ver com as suas ânsias eleitorais que o levaram a aceitar com entusiasmo o apoio eleitoral dos paramilitares de toda a nação, a respeito dos quais a própria imprensa governamental destaca as imensas riquezas em terras, gados e outros bens de que se apoderaram. Depois da crise da Polícia que levou ao maior escândalo moral e político dessa instituição e conduziu à destituição dos mais altos oficiais desse corpo armado, o presidente Uribe Velez num dos seus piores momentos de desespero, em tom agressivo e excitado, deu pela televisão e pela rádio uma ordem monstruosa: "senhores Generais da República: vão e libertem pela força a doutora Ingrid Betancourt, sequestrada pelas FARC!". Para a opinião pública nacional essa estupidez significava a morte de Ingrid Betancourt, pois tinha de ser libertada em combate, com a prévia derrota militar completa das FARC, que até agora não foi conseguida por nenhum governo nos 61 anos de violência política na Colômbia. Acrescenta-se que, em função desses mesmos disparates, o presidente Uribe Velez deixou de lado a assessoria paga a organizações e amigos do presidente Bush para que o ajudem a obter as decisões do Congresso democrata que hoje domina nos Estados Unidos, o qual através dos seus porta-vozes pronunciou-se nitidamente contra os termos do Tratado de Livre Comércio negociado pela dupla Bush – Uribe Velez e exige decisões e acções governamentais colombianas claras e verazes contra a repressão anti-sindical e outros comportamentos sociais e políticos anti-democráticos do seu governo. Certamente, The Wall Street Journal Americas, segundo transcrição do diário oficialista El Tiempo, informa que Uribe Velez procurou a assessoria do lobby democrata ligado ao ex-presidente Clinton e à campanha presidencial da sua emposa Hillary Clinton para desenvolver a estratégia do governo Uribe Velez e "responder imediatamente a qualquer notícia que critique a Colômbia". São eles: Sidley Austin, assessora legal sobre livre comércio que já recebeu US$ 727 milhões de dólares; Glover Park Group, por lobby junto ao Partido Democrata, US$ 40 mil dólares por mês; Johnson, Madigan, Peck, Boland & Stewart, lobby junto aos partidos Democrata e Republicano, US$ 35 mil dólares por mês; Burson-Marsteller Relações Públicas, US$ 25 mil dólares por mês. Em contraste, na Colômbia o governo Uribe Velez encerra a Universidade Nacional, reprime o magistério e os sindicatos, aumenta o custo de vida, gera desemprego e a população camponesa abandona os campos e foge para as cidades.

15 junho 2007

Estados Unidos: a irresistível chegada da recessão

Por Jorge Beinstein

Acaba de se tornar conhecida a cifra definitiva do crescimento da economia dos Estados Unidos durante o primeiro trimestre de 2007. A percentagem inicial avaliada em 1,3% anualizados foi reduzida para 0,6%. Trata-se da taxa mais baixa dos últimos quatro anos, que confirma a tendência para a desaceleração já iniciada no último trimestre de 2006. Quando em Fevereiro deste ano Alan Greenspan, ex-titular da Reserva Federal, anunciou a possibilidade de os Estados Unidos entrarem em recessão antes de fins de 2007 (sua observação coincidiu com a derrocada bursátil desencadeada pela queda da bolsa de Shangai) choveram desmentidos de peritos e autoridade monetárias dos países centrais. Mas a realidade não pode ser exorcizada com manipulações mediáticas. A acumulação de défices, a degradação do dólar e sobretudo o desinchar da borbulha imobiliária tornavam inevitável o desenlace. A borbulha imobiliária, peça mestra da estratégia económica da administração Bush juntamente com a avalanche de despesas militares (com a loucura militarista que a acompanhou) e as reduções fiscais conseguiram sacar a economia estado-unidense do estancamento inflando um consumo não apoiado pelo desenvolvimento produtivo local (a decadência do sistema industrial norte-americano já tem muitos anos). Somaram-se as dívidas internas e externas, os créditos fáceis, em especial os destinados às habitações que cresceram de maneira desmesurada, o défice energético expandiu-se… pelos finais de 2006 a dívida total estado-unidense (pública, empresarial e pessoal) chegara aos 48 mil milhões de dólares: mais de três o Produto Interno Bruto norte-americano e superior ao Produto Bruto Mundial. As dívidas com o exterior saltavam para 10 mil milhões de dólares… a corda não podia ser esticada indefinidamente.

12 junho 2007

"SOLIDÃO COMPREENSIVA"

Quando todos parecem não notar a existência de alguém, no sentido em que esse alguém encontra a verdadeira solidão compreensiva, a desesperança de soluções para a vida, cada vez que se depara com situações percepcionadas como aversivas, pode tornar-se de sentido único na sua resolução prática: o alivio da dor através do seu fim radical.A génese multifacetada e plurifactorial da dimensão global que pode originar o termo da vida auto deliberado pode atingir contornos cujo potencial desencadeante se atribui, não propriamente a acontecimentos externos aversivos, mas sim à conjugação da percepção dos ditos acontecimentos como de índole negativa (de forma real ou desfasada) com um conjunto de determinações preexistentes no individuo, que se referem à sua dor psíquica.Quando os níveis preexistentes de dor psíquica se encontram no limiar do tolerável pelo indivíduo em questão, qualquer fonte de acréscimo de dor é o suficiente para desencadear um processo de sustentação vital, isto é, a pessoa tende a encontrar uma solução para que a dor que sente diminua ou mesmo acabe.Note-se que a dor física tem um limite, ou seja, quantificando a dor não é possível sentir mais dor que “x”, enquanto que quando se fala de dor psíquica não existe um limite que se possa considerar como tal.Voltando à ausência da partilha compreensiva, este é um ponto que tal como um infinito de outros, pode ser um “bom” item para despoletar um comportamento adverso à auto sobrevivência. Mas o que interessa realmente não é decifrar o conjunto (de mais a menos infinito) de itens que têm potencial desencadeante mediante as condições “adequadas” para que isso aconteça, interessa sim perceber em cada pessoa no momento “certo” qual deles está a dar um contributo importante.Repare-se que isto tem uma importância grande quando se trata de remediar de forma urgente, tentando (muitas vezes em vão) impedir que alguém se suicide, mas a um prazo menos imediatista perceber o que pode desencadear não só não basta como pode não chegar realmente.Será necessário mais do que remediar uma e outra vez, fazer com que isso não chegue a ser preciso, se ainda houver “tempo” para isso.
Crónicas da Mente Esquecida, por João Castanheira
in Jornal de Albergaria, 29/05/2007

09 junho 2007

QUEM VAI SER A VÍTIMA?

O terrorismo norte-americano não pára. Ainda não completou a saída, como fez em Saigão, de Bagdade; e já anda a inventar nova desestabilização ao mundo.
Agora são sistemas antimísseis para defender a Europa.
Defender a Europa de quem?
O que será que o terrorismo norte-americano tem em mente?
Quem vai ser a nova vítima deste terrorismo?
Espero, desta vez, que os lacaios europeus não se metam em alhadas, mas que ela já está inventada, isso está, ninguém duvide.
É que o terrorismo, para aquela besta, não pode parar...

05 junho 2007

Amor? Por quantos?

O calor aperta. Nada como uma subida de temperatura dos corpos para andar tudo feliz. Á dias falava com um amigo que me dizia que andava mais feliz que nunca. Motivo: anda simplesmente apaixonado, arranjou namorada.

Á dias falava com uma amiga que me dizia que andava mais feliz que nunca. Motivo: anda simplesmente apaixonada, arranjou namorado. O calor tem destas coisas. Andam os dois muito felizes. O amor tem destas coisas! O amor.
Quando precisam de conselhos ou simplesmente de falar, vêem em mim a pessoa ideal (será por ser o mais velho do grupo?). Conheço grande parte dos pormenores das duas relações (e de muitas mais).

Afinal o que tem eles de especial? Resumindo.

A minha amiga namora para alguém que a trai. Alguém que namora para uma terceira pessoa, injusto? Talvez! Mas o que é justo no amor se a própria justiça não tem amor-próprio? Recentemente apanhei o namorado dela em plena discoteca com a sua outra “mais que tudo” na mais plena diversão. Deverei denuncia-lo? Não me parece. Apesar de tudo não quero perder uma amiga que muito estimo e adoro. Afinal é a minha palavra contra a do seu namorado. Não vá ela pensar que eu quero estragar a sua mais recente paixão. Ainda está na fase “cor-de-rosa”. O namorado dela não consegue decidir por nenhuma das partes e nenhuma das partes quer desistir dele, ou sequer vê o que se passa na realidade. Desgostos de amor sempre foram uma excelente forma de “bater com a cabeça” na parede. Só não vê quem não quer. Que sejam felizes.

O meu amigo namora para alguém que traiu o namorado. Ele é a terceira pessoa na relação. Ela enganou o namorado por ele e pelo amor que diz ter por ele. Ele que reprova a conduta do namorado da minha amiga, aprova a sua conduta para com a sua mais recente relação. Dois pesos e duas medidas. Devo dizer-lhe que está enganado? Não me parece. Pode ser que ela se separe finalmente e que os dois sejam mais felizes que nunca.

Pois amigos, não se perdem por algo tão estúpido.

Como se pode amar alguém enquanto se a engana ao mesmo tempo? Como se consegue ser verdadeiro e depositar confiança na pessoa amada se elas não são verdadeiras? Será o amor apenas isto? Um série de tentativas para ficar com o melhor que a sociedade tem?

Como eu costumo dizer “A procura do amor é como a descoberta de água no deserto, o problema não está na procura mas sim na seca pela qual se passa”. E ai sim reside o problema, porque talvez o problema não esteja em amar demais mas sim em amar a mais.

Pois eu sirvo de conselheiro, amigo e ombro, enquanto vou fazendo a minha caminhada no deserto à procura da minha agua para matar a sede.

Dois amigos com problemas muito parecidos e que não reparam neles. E eles que no passado já foram namorados. Afinal pouco ficaram a conhecer um do outro. Ou será que o namoro já não é isso, o ficar a conhecer melhor o outro?

Trunquei muito o texto.

Desculpem terem sido desta vez os meus psicólogos, mas estava a precisar.

Domingos Araújo.

02 junho 2007

AMÁLIA KALYVINOU

Sólon, grande sábio, poeta e legislador grego, está a ser traído pelos políticos e burocratas da presente Grécia.
Muitos dos actuais políticos e burocratas gregos são tão corruptos e malfeitores, que não têm vergonha de deixar morrer pessoas por desleixo ou falta de dinheiro.
Amália Kalyvinou acaba de ser vítima do sistema mafioso, corrupto e vendido ao interesse económico que crassa em toda a Grécia.
A nossa bela Grécia. A Grécia de Sólon está a ser traída, roubada e desprezada pelos muitos dos seus políticos e sistemas por eles montados: autênticos grupos de mafiosos, inimigos do povo e caçadores de dinheiro.
Amália, oito anos de idade. Nesta tenra idade, Amália sentia dores e foi ao médico. Este, após uma consulta, detecta-lhe um fibroma, tumor benigno constituído a partir de certas células do tecido conjuntivo.
Amália sempre que ia ao médico do “Sistema Nacional de Saúde” era aconselhada para se dirigir a Clínicas privadas, onde gastava o que tinha e não tinha, sem que sobre a sua doença visse algo de positivo.
Bem, mas Amália, já com 25 anos e após ter andado ao sabor dos médicos engajadores de dinheiro e corruptos, recebeu o golpe final: foi-lhe dito que tinha um Tumor maligno.
Mas Amália não desistiu. Amália continuou a sua luta contra o Tumor maligno e contra a corrupção. Amália queria vencer a doença. Só que o “Sistema Nacional de Saúde” grego e a corrupção, por Amália já não ter dinheiro para manter toda aquela chusma de mafiosos e incompetentes, estes deixaram-na morrer: mataram-na.
Amália Kalyvinou, jovem grega de 30 anos de idade, embora pareça mentira por ser na nossa grande Grécia, foi assassinada pelo desleixo, pela corrupção e pelos interesses económicos de muitos parasitas que se passeiam pela Grécia de Sólon. Não foi isto que ele desejou para o seu povo, mas é verdade.

David Santos

01 junho 2007

A greve geral e o fosso governantes-povo

Sob o ponto de vista anarquista, a greve geral de quarta-feira, 30 de Maio, foi um sucesso total. Tenho exprimido neste blogue, por várias vezes, a importância que têm as movimentações sociais contestatárias para a alteração do actual estado das coisas. Este sistema neoliberal capitalista em que vivemos só cairá se as pessoas - o povo, no seu todo - o desejarem e se derem a conhecer publicamente o seu descontentamento. Ora, foi isso que aconteceu ontem.

Terminado o dia de greve, seria de esperar a típica guerra de números entre governo e sindicatos. No entanto, inteligentemente, a CGTP, pela voz do seu secretário-geral, Carvalho da Silva, disse claramente “não entramos em guerras de números”. Foi desta forma que este dirigente sindical desmentiu a versão do governo de que a greve tinha sido apenas parcial e com efeitos limitados, ao mesmo tempo que deu exemplos de muitos sectores que pararam completamente ou funcionaram a meio gás. Sugiro que leiam esta notícia que publiquei no meu Contracorrente a este propósito.

Quando toda uma massa significativa de trabalhadores adere a uma greve geral, algo vai muito mal no governo do país. E os governantes, em vez de rebater com números e percentagens, deveriam tomar em linha de conta o que há de errado na sua política económica e laboral. Contudo, conhecendo a arrogância desta ditadura da maioria imposta pelo actual governo Sócrates-PS, o inverso é que seria de esperar e foi o que aconteceu: o poder nega cegamente o impacto da greve geral. Desta forma, mais uma vez se cava o fosso que separa os governantes do povo. De forma dramática.

(Publicado originalmente n'O Anarquista a 31 de Maio de 2007)

Quantas serão...

Uma criança de olhar rasgado
Impetuosa, de maus tratos
Afagados de lonjura
Sequiosa de mil carinhos
Brinca com a fome
Nos vales da miséria
Num infantário descampado
De doença e tortura
Já se escondem entre a morte
E o cheiro nauseabundo
De um mundo que se faz de cego
A tantos campos de concentração
Onde as crianças permanecem
Sem qualquer sonho
Sem qualquer ilusão
À espera de um tempo que não passa
Onde o sol brilha
Sem qualquer graça
E a incógnita fica
Amanhã quantas serão?




Conceição Bernardino

DIA MUNDIAL DA CRIANÇA



Para que todas as crianças do mundo possam ser verdadeiramente crianças.

Deixo-vos aqui este poema:

SÓ TU DOCE CRIANÇA


Nas tuas mãos um papel
Pode ser de mil cores
Um soldado sem quartel
Ou um jardim com flores

Um avião que não pousa
Uma bala que não mata
Um cavalo sem arreata
Que não conhece senhor

Um irmão com quem tu brincas
À apanha, e ao pião
Um pão quente que tu trincas
Como só se trinca o pão

Pai que te faz companhia
Nos teus sonhos sempre belos
Uma mãe quente e macia
E que te afaga os cabelos

Tudo quanto a vista alcança
E possas imaginar
Que só tu doce criança
Consegues reinventar.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas