14 setembro 2007

É INADMISSÍVEL!!!

É inadmissível, que um doente, Diabético, após uma crise, e após se ter deslocado ao hospital de S. João, uma, e outra, e sei lá quantas vezes, pelo menos umas seis vezes de seguida, onde efectuou exames atrás de exames, raios-x, ecografias, ecocardiogramas, análises sanguíneas, biópsias ao fígado e pâncreas, um cem número de horas de espera e desespero, com internamentos á mistura, e alguns deles dos 8 dias seguidos para cima, é INADMISSÍVEL, que com este tratamento(s) todo(s), lhe tenham PRESCRITO um medicamento capaz de a matar, e que por descargo de consciência do paciente, e após meio ano de calvário, como tem sido descrito anteriormente, resolve consultar um médico particular, levando de arrasto toda a medicação que estava a tomar.

Qual não é o seu espanto, que o médico lhe diz, que aquelas crises todas, o inchaço os tremores de frio, os enjoos, a falta de apetite, as crises de rins, e todas as maleitas associadas, derivaram, por suposto, da má medicação administrada. Bastou, a esse médico particular, analisar a dita, e constatar que estava mal medicada, trocando-lhe a medicação, não receitando QUALQUER outro medicamento, e apenas eliminando o que a estava a prejudicar.

A minha, pertinência neste caso, é que passaram-se 5 dias, mais ou menos, e as melhoras são significativas.

O QUE É QUE OS MÉDICOS(AS) DO HOSPITAL DE SÃO JOÃO, ANDAM A FAZER? PORQUE É QUE AS PESSOAS SÃO TRATADAS ASSIM?

É INADMISSÍVEL!!!

Lembro ainda, antes de terminar, que o dito médico particular, é só médico particular, não acumula serviço na ARS, nem em clínicas, nem noutro centro hospitalar qualquer.

Exijo no entanto, averiguações, por parte dos órgãos competentes sobre este e outros casos, já que a saúde é algo de muito valioso para qualquer ser humano. SINTO-ME COMO DEVEM CALCULAR, INDIGNADO, COM ESTA CAMBADA DE INCOMPETENTES.

MAS A MIM NINGUÉM ME CALA!!!

6 comentários:

A. João Soares disse...

Caro Beezz,
Parabéns por mais este post. A situação de desprezo a que estamos sujeitos exige que todos os casos como este sejam devidamente publicitados e que às autoridades competentes sejam enviados todos os elementos que permitam identificar o caso, doente e médico, para averiguarem e tomarem decisões.
Nunca deixe que o calem.
Um abraço e bom fim-de-semana
AJS

j . gonçalves disse...

Em boa verdade, estas e outras situações, serão porventura recorrentes, no País!!!

Beezzblogger disse...

Caro A.João Soares, creio saber, que a ARS já sabe deste assunto, mas ao que tudo indica, infelizmente vai cair em saco roto, daí a minha indignação, e publicação deste texto.

Abraços do beezz e bom fim de semana

Beezzblogger disse...

J Gonçalves, temos de nos juntar, quantos mais formos mais força teremos.

Bom fim de semana e abraços do beezz

Maria Soledade disse...

Amigo Beezz:Talvez possa parecer duro o que vou dizer mas a verdade já vivida faz-me constactar que quando entamos num hospital público deixamos de ser humanos, passamos a ser simplesmente um...número,ou ainda mais simples:Apenas mais um caso, e ainda mais grave servimos como cobaias, se o resultado for mau,paciência...Estamos a falar de uma classe muito bem protegida.
Eu também nunca me calo, mas nem por isso vejo o barco andar em direcção ao Norte!!!

Um abraço

Joana Dalila Santos disse...

Tens razão. Assusta-me todo este desatino e incompetência.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas