25 novembro 2007

Acabem com a hipócrisia!

Sim, acabem com a hipócrisia! Tem razão de ser a atribuição da designação de hipócritas ao nossos governantes. Logoque faleceu um doente oncológico em Portugal , que foi dado como apto para trabalhar pelas juntas médicas . O Sr. Primeiro Ministro, veio a terreiro dizer que desconhecia tais situações e que o problema das incompetências dessas mesmas juntas iria ser resolvido! Para além de hipócrita, foi mentiroso, mentiu ao povo que o elegeu para defender os interesses de Portugal e dos portugueses. Vários casos têm vindo noticiados na imprensa e televisões. Mas há casos que não chegam às grandes audiências e vamos lá a saber as razões? Faleceu no passado dia 20 de Novembro, em Serafão, ( Fafe) uma mulher vítima de cancro no intestino grosso, que embora estivesse já num estado avançado da doença, foi obrigada a apresentar-se no posto de trabalho até aos últimos dias vida.
Apesar da doença lhe ter sido diagnosticada há quatro anos atrás Maria da Conceição, que era funcionária da limpeza na Extensão de Saúde de Travassós, viu o seu pedido de reforma antecipada rejeitado e foi obrigada a trabalhar até aos últimos dias de vida.
Acabem pois com a hipócrisia, de querer que os portugueses morram a bem do défice sabemos muito bem as intruções que médicos, hospitais e centros de saúde têm... cortar, cortar, mais cortar na saúde dos portugueses, a bem do bendito controlo das despesas públicas! Senhor Primeiro Ministro seja honesto e não venha com pés de luva e palavras doces enganar os portugueses!

2 comentários:

A. João Soares disse...

Caro Víctor Simões,
Estes casos sempre que conhecidos devem vir ao de cima, devem ter visibilidade.
A sua frase «Mas há casos que não chegam às grandes audiências e vamos lá a saber as razões?» dá muito que pensar. Franco, antes de morrer, disse que os portugueses são cobardes. Não há regra sem excepção e muitos não o são, mas a maioria é muito inibida pelos receios variados de a via vir ser dificultada. Com isso, acabam por viver ensimesmados, agarrado aos seus sofrimentos sem conseguirem que estes sejam minorados, sem saborearem a beleza da liberdade. Depois esquecem os sofrimentos que lhes são impostos e correm às urnas em obediência às palavras de ordem dos caciques dos partidos.
Correia de Campos é ministro de nada, porque em Portugal não há saúde, como as notícias diárias nos mostram.
E ninguém exige responsabilidades aos médicos que tomam decisões como as relativas a esta senhora!
Abraço

Beezzblogger disse...

Bem Visto.

"VAMOS LÁ SABER AS RAZÕES!!!"

Bem, amigo Victor Simões, estes casos, servem infelizmente aos caciques políticos para pura propaganda, como aconteceu com o Teixeira dos Santos, que até serviu de Post aqui a voz.

Não deixarem de desancar em viva voz nestes pulhas, quem quiser que me siga.

Abraços do Beezz

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas