02 setembro 2008

Somos nós!...

Somos nós,
A juventude de outrora,
De um tempo já bem distante,
Da ditadura fogosa
Severa e dominante.

Somos nós,
Os jovens envelhecidos,
Trabalhadores amantes,
Doentes e esquecidos
Pelos nossos governantes.

Somos nós,
Os idosos do nosso País,
Sós e em desatino,
Mas cientes da nossa raiz
Em constante desalinho.

Somos nós,
Que já fracos mas com coragem,
Sem nada já pra temer,
Pedimos à miudagem
Força para VENCER!

Escrito a 1 de Setembro de 2008
Ana Martins

4 comentários:

Mac Adame disse...

Muito bem escrito!

A. João Soares disse...

Cara Ana Martins,
Gostei da abordagem do tema e ousei transcrever o post para o blog Sempre Jovens, criado pelo Clube Virtual de Seniores, onde o tema já foi abordado pelos posts «Amanhã, seremos nós os idosos» e «A tijela de madeira do avô».
Velho sábio, experiente, bom conselheiro não está a ser apreciado como um bom elemento da sociedade.
Beijos
João

victor simoes disse...

"Velhos são os trapos"
-Dizia o Constantino ( personagem do livro, "O Malhadinhas" de Alves Redol.
O respeito pelos mais antigos,é sem dúvida nas sociedades contemporâneas um valor que se tem perdido.
Nunca é demais relembrar a ingratidão desta mesma sociedade, para com os idosos. Mais grave aínda, quando nós filhos deixamos ao abandono, quem por nós deu tudo o que tinha e muitas vezes o que não tinha. Temos obrigação moral, de devolver em carinho e muito amor, esse mesmo amor e carinho que nos dedicaram.
Bonita mensagem esta. Parabéns Ana pelos versos que dedicas aos Jovens do Passado.

Beezzblogger disse...

Mas sem sombra de dúvidas que está aqui um espelho fiel do que realmente e infelizmente se passa neste nosso mundo, mas mais no nosso miserável País...


Beijos do Beezz

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas