11 janeiro 2007

Mortes inoportunas


“A tutela governamental recusa-se a divulgar a informação por não ser «oportuno» fazê-lo”.

Direcção-geral de saúde (DGS) oculta mortes provocadas pela vaga de calor em 2006. Cerca de 2 mil mortes continuam silenciadas por serem descuradas pelas autoridades sanitárias, que não conseguem passar a informação de prevenção atempadamente aos grupos de risco.
Depois da experiencia vivida no ano de 2003, parece que a lição ficou esquecida, nada muda as mortes aumentam e os argumentos falham, a verdade esconde-se.
O oportunismo silencia a mensagem para os que ingenuamente ainda acreditam na boa vontade de quem governa.
Cuidado com o clima, previnam-se!
Não vá outra vez o calor trair as ideias frescas dos governantes e ignorarem a contabilização inoportuna das mortes que jazem no esquecimento.
O capitalismo contínua a subestimar a força da natureza, corrompendo-a dia após dia com a poluição.
Até quando iremos suportar o aquecimento global do nosso planeta?


Conceição Bernardino

1 comentário:

Anónimo disse...

la verdad no entendi nada. pero la foto de villano francés da pa posteo.
from chile. me gustan Os Mutantes, si.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas