21 agosto 2006

Apláuso, para o ministro da Saúde!

O ministro da Saúde Correia de Campos, proibiu as administrações hospitalares de fazerem gastos para além dos nesseçários ao tratamento dos doentes e num despacho assinado na sexta feira, critica as direcções hospitalares por despesas sumptuosas.
Ora aqui está uma medida digna de aplauso, esta tomada por parte do ministro da Saúde Correia de Campos!
De acordo com o ministro, "não parece possível qualificar certas despesas, como aquisição de novas viaturas para uso pessoal da administração, ou a mudança de mobiliário e a aquisição de dispendiosos elementos decorativos, para dar apenas alguns exemplos, como despesas essenciais ou indispensáveis".
"Tal atitude seria incompreensível e comprovaria a inadequação dos respectivos gestores aos cargos de membros do conselho de administração do hospital, seja entidade pública empresarial ou do sector administrativo", prossegue o ministro.
Ora aqui está uma medida digna de aplauso!
Porque em tempo de "vacas magras", não fazia sentido todo este luxo, por parte das administrações hospitalares.
Temos aqui de facto uma atitude de responsabilidade, e racionalidade por parte do ministro, na gestão dos hospitais.
Porque nós enquanto contribuintes, não devemos só criticar o Governo ou os ministros quando tomam decisões más!
Temos o dever de louvar medidas positivas, como neste caso dos hospitais, por parte do ministro Correia de Campos!

1 comentário:

Conceição Bernardino disse...

Talvez se ele ficasse internado num desses hospitais não pensasse assim!

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas