10 fevereiro 2007

PAGA ZÉ, E NÃO BUFES!



“A criação de um novo imposto para o sector da Saúde, caso o sistema caminhe para a falência, consta das recomendações finais que a comissão que está a estudar a sustentabilidade do Serviço Nacional de Saúde apresentou ao Governo. Correia de Campos, que já desmentiu a intenção de criar esse imposto, está a ponderar colocar o documento em debate público, no portal da saúde (www.portaldasaude.pt). Fonte do gabinete do ministro recusou prestar informações sobre o conteúdo do relatório.


Contactado pelo JN, Jorge Simões, presidente da Comissão para a Sustentabilidade do Financiamento do Serviço Nacional de Saúde, também não quis adiantar qualquer pormenor sobre as recomendações técnicas que o grupo de peritos apresentou aos ministros da Saúde e das Finanças para reequilibrar as contas do sector e garantir a sustentabilidade futura. Adiou para a fase de discussão pública esclarecimentos sobre o documento, cuja versão final deverá incorporar as contribuições recolhidas durante a discussão pública. Por discordar com a orientação excessivamente financeira das recomendações, um dos peritos da comissão já pediu a demissão.”

(TEXTO EXTRAÍDO DO JORNAL DE NOTÍCIAS)

Perante esta possibilidade de um novo imposto para o sector da Saúde, qualquer dia temos assistência médica apenas para os senhores ministros, deputados, classe política, e mais uns tantos senhores, que perante esta situação embora desmentida, serão somente esses, que terão dinheiro para pagar o dito imposto! Porque o “portuga”, o “Zé”! Não irá ter “graveto” para ir ao hospital, ou ao centro de Saúde.
Por este andar o Zé…tem que ir “gamar”, para poder ir a uma urgência hospitalar, a uma consulta no centro de Saúde!
Espero que de facto, não seja verdade! Porque se for. Estamos bem tramados, estamos. É como diz o ditado popular, paga Zé, e não bufes!

7 comentários:

missixty disse...

Esperemos mesmo que não! Essas coisas de primeira necessidade, deviam ser as últimas a serem alteradas!A saúde devia ser gratuita!
beijos miss

Moinante disse...

Qualquer dia não , já o é !!!!
E sou eu que o digo .
Consulta para neurocirurgia , previsão 7 meses , cirurgia 2 anos !!!
Se quis ver a minha situação rápidamente resolvida , tive de recorrer ao meu bolso ...
Tudo o que eles dizem para que constem nas estatisticas , é pura mentira .

Mário Margaride disse...

Esperemos que não, de facto! Mas não há "fumo sem fogo". A ver vamos!

Obrigada missixty.

Beijinhos

Mário Margaride disse...

Certo que sim, moinante, Mas este a verificar-se, será mais ainda mais gravoso. Pois se agora, é como todos sabemos! Depois é que vão ser elas!
Vamos esperar para ver.

Abraço

victor simoes disse...

O ministro Correia de Campos, nega que esteja aí o novo imposto. Mas acreditar neste senhor, já é muito dificil. Vai deixar arrefecer o assunto e quando mal dermos por ela, aí está o imposto!

Mário Margaride disse...

Eles negam sempre tudo. Depois...pimba! Aí estão eles. Como diz. Vamos esperar para ver...

Um abraço

Maria Soledade Alves disse...

Amigo Mário:O direito a um bom serviço de saúde sempre nos foi negado,só que agora chegamos ao patamar do surreal.Eu sempre entendi que os serviços de saúde devíam ser gratuítos.Para isso , e muito mais pagamos os nossos impostos.
Há já uns anos anos(no tempo do escudo),eu fui assaltada de esticão por uma mota, ficando num estado bastante lastimoso.Fui de ambulância inconsciente para o hospital apenas com a roupa do corpo.Ao cabo de 1mês depois chega-me uma carta registada para pagar(x)pelo tratamento prestado na urgência.Avisavam-me da data limite senão iría para o serviço de contencioso do hospital,etc...etc...
Eu, revoltada mandei-os "lamber sabão".Não paguei até hoje 1 tostão.Continuo à espera que me deêm resposta.Amigo Mário, o Zé quando é teimoso também não paga além de ter todo o direito de bufar.A luta começa por dizer NÃO a tudo que achamos ser injusto.
Bom, esperemos que esse imposto não passe de mais uma alienação do "amigo" Correia.
Beijinho.MªSoledade Alves

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas