21 outubro 2006

OS MEUS SINCEROS AGRADECIMENTOS

Apesar do meu Neto, o Daniel, ter andado a fazer o meu papel, por acaso, muito mal executado, para ele, os meus primeiros agradecimentos. Em segundo, para o meu filho, Davide, que nada fez. Estou-lhes muito grato, sem dúvida, pois não era possível fazer tanto nem pior.
Para as pessoas, sem execpção, que fazem parte deste grupo, A Voz do Povo, não só os meus agradecimentos, mas também, os meus parabéns.
Por último: às pessoas que diariamente procuraram o meu profile, fazendo dele um dos mais visitados ao longo deste pouco mais de um mês em que estou metido nestas andanças, para estas, repito, os meus agradecimentos. Garanto-lhes, podem crer, quer as nacionais como estrangeiras, ir dar o meu melhor para continuar a merecer as vossas visitas. Prometo, ainda, aos que me contactaram por correio electrónico, tudo ir fazer para dentro das minhas possibilidades, não regateando esforços, escrever textos sobre o que cada um me pediu.
Aos que me elogiaram por ter conseguido ser um dos mais visitados em tão pouco tempo, tendo mesmo batido recordes, não querendo de forma alguma frustrá-los, mas não é minha intenção vir a ser um dos que vai ter um dos profiles mais elevados, mas que as pessoas continuem a gostar do que escrevo e estejam sempre dispostas a criticar os meus trabalhos. Embora saiba, que o profile representa o currículo destas andanças, não é com ele que estou preocupado.
Ainda em Agosto, deste ano, claro, apenas funcionava com o meu correio electrónico, nada mais. Contudo, convidaram-me e ensinaram-me a trabalhar com este grupo, A Voz do Povo, com o qual estou francamente contente e não espero ultrapassar barreiras. Não estou a dizer, longe de mim, para que as pessoas não gostem de mim, muito ao contrário, mas sempre tive a ideia de que subir muito alto dá origem a uma maior queda.
Dizer, ainda, que apesar de ter ultrapassado em termos de visitas a blogs pessoas muito consagradas na vida política Nacional, que isso nada me impressiona. Cada um é quem é e eu sou como sou. Mas político, nao!
Agora vou tentar fazer o melhor para conseguir manter todos agradados com os meus trabalhos.
Muito obrigado: david santos

19 comentários:

JOSÉ FARIA disse...

Bom filho da casa, a casa volta.
Viva amigo David Santos.
Que esteja bom de saúde e com aquele permanente entusiásmo de intervir, de postar, de comtar... de ser membro da família Voz do Povo, é naturalmente o que todos desejamos.
Já agora, vá ver se o amigo Mário Relvas já tem à porta novo texto e... corra para lá!

(Este é um dos seus muitos remates de comentários que me ficou, achando-o muito alegre e unificador do grupo!)
Um abraço.
José Faria

JOSÉ FARIA disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
JOSÉ FARIA disse...

Desculpe amigo David, só agora vi que cometi dois erros:
Não queria dizer "comtar...", mas sim comentar.

E também não queria dizer "vá ver se o seu amigo Mário Relvas", mas sim, o nosso AMIGO MÁRIO RELVAS.

São erros que acontecem!

Mais um Abraço.

victor simoes disse...

David, muito obrigado mais uma vez por fazer parte da Voz do Povo. Em relação ao Profile Views ( Vista do perfil), é sintomatico o interesse que tem despertado nos nossos leitores... julgo ser o mais visitado de entre nós, parabéns por isso e continuação de bons post's.

Um abraço.

Mário Margaride disse...

Viva Dadid, como vai!
Espero que regresse rápido ao nosso convívio. Mas claro! Continue com as caçadas. Aos Leões, Tigres, Elefantes, e demais animais selvagens, naturalmente.
Amigo David! Gostaria quando lhe fosse possível, que me arranjasse um exemplar do livro Poiesis volume III, prece que é assim que se chama, igual aquele que levei à Conceição Bernardino. Ficava-lhe grato.
Pronto amigo David!
Um grande abraço fraterno.
Mário Margaride.

MRelvas disse...

Olá David Santos,como vai o meu amigo.Agradeço-lhe a sua encomenda que me chegou.Já tinha agradecido num comments...

Ao colocar o post sobre o meu amigo,não foi pela "arma" que me mandou,mas pela falta que senti do meu amigo.

Em seguida quero dar-lhe os parabéns pela bela partida que nos pregou.Colocou os descendentes a não deixá-lo por maos alheias.Confesso que sim,que gostei dos posts do Danyel,no princípio enganei-me se seria uma senhora (desculpa-me Dany),mas confesso que gostei dos posts dele e espero que não nos abandone.caro Davide filho está sempre a tempo,venha postar.
Tome o meu lugar.É preciso aqui alguém com novo alento e mais brando que eu.Sinto-me incómodo e com "complexos".
Um abraço David Santos

Bem hajam!

Rosa Santos disse...

Caro David Santos, gosto muito de o rever e reler, e agora que já posso comentar, prometo fazê-lo.
Em relção ao MRelvas, não se vá abaixo homem, Dos fracos não reza a história".

Bjs para todos

david santos disse...

Victor, um grande abraço. Esperava começar na segunda-feira a fazer algum trabalho, mas como o meu amigo cometeu um erro de interpretação no meu texto, não pude deixar este caso para mais tarde. Não há referência a entre nós na exposição que fiz a quem me tem visitado, seria uma indiligência, da minha parte, mas sim a pessoas de outros mundos, quadrantes, quero eu dizer. Quanto ao nosso grupo, todo, sem excepção, já ultrapassou muitas caras bonitas, está a entender ou não está? Como no nosso grupo não há caras bonitas, pelo menos que eu saiba, penso ter esclarecido o meu sempre e bom amigo, Victor.
Aliás, o que pode ser uma pessoa que trabalhando em grupo, sem ele?
Um grande abraço e até um próximo encontro pessoal.

david santos disse...

Querida amiga, Rosa Santos. Um grande abraço. Pois vou ter muita coisa para lhe contar. Das mais lindas, mas, infelizmente, das mais terríveis. O Mundo anda a ser desinquetado por um bandido da pior espécie. E como se isso, só por si não chegasse, esse bandido ainda tem apoio, lacaio~s não lhe faltam.
Até sempre: david santos

david santos disse...

Ah, e muito obrigado pela forcinha que acaba de dar ao nosso amigo Relvas.

david santos disse...

Olá Relvas, tudo bem? O meu neto e o meu filho, o primeiro de oito anos, tem uma desculpa, mas o segundo que já é Engenheiro, não passam de dois pascácios.
Eu tenho que ter uma conversa consigo sobre o "Salasar". Claro que ele teve o seu tempo e para se ser correto é sobre esse tempo que deve ser analisado, mas não sei onde foi buscar tantas virtudes a esse rapaz. Depois nós falamos... mas só a partir de segunga-feira.
Um grande abraço.

david santos disse...

Então! zé faria!? ah, ha, um livro, pois então... ai vamos ter muito bate-papo, vamos. Também não é para menos... prepare-se, que para a semana, as coisas vão ser boas, espero.
Até sempre: david santos

david santos disse...

Mário, passei parte dos meus últimos dias a ler trabalhos seus e da nossa amiga, não me occore agora o nome, ela que me desculpe, mas ela costuma citar Cecília. Quanto ao livro Poesis volume XIII, não sei se conseguirei arranjá-lo, de qualquer forma, vou tentar junto da Editora. é que os livros de que faço parte, quer em poesia ou romance, a Editora publica apenas 2000. Faz-lhe alguma publicidade, vende alguns a particulares e o resto, como o nome indica, "volume XIII", é vendido a coleccionadores. De qualquer forma, vou tentar. Faço conta de publicar um romance ainda este ano e caso venha a ser a mesma Editora, penso ir conseguir. Esse romance, que espero esteja pronto para o Natal, vai pôr o nosso amigo Relvas aos pulos. Fala de antigos. Bom, não digo mais nada se não ele fica já a saber tudo.
Um abraço, Mário.
Até sempre: david santos

MRelvas disse...

Caro David,fala de Comandos!

Um abraço!
MR

david santos disse...

Comandos!? O meu amigo ainda quer ouvir falar em Comandos? Comandado fui eu e ser quer que lhe diga, muito mal comandado! Mas nunca se sabe... como também sou pascácio, não vá haver por lá uma ou outra frase que não venha a falar disso. Mas já lhe garanto: se falar é por engano, mas não posso garantir.
Um abraço, Relvas.
Até sempre: david santos

MRelvas disse...

Para breve David o dia do Juízo final...para alguns...

Um abração e venha lá o book!

Não escreva tudo,ainda vai ter que acrescentar o futuro...

JOSÉ FARIA disse...

Boa amigo Mário Relvas.
Essa foi boa e na hora, deixou-me bem disposto e a rir sozinho:
"Fala de Comandos?"
Ó amigo Relvas, mais do que ninguém o amigo até sabe que cada livro é um comando, por muito bom ou fraco que seja, é sempre um comando à leitura.

- Encaixei bem, não encaixei?!

Um abraço!

José Faria

A. João Soares disse...

Amigo David Santos
Não tenho podido utilizar o computador, para viajar até à Internet, a não ser por muito curtos segundos.
Esta recepção a um dos célebres lutadores sem amarras é um agradável acontecimento, que traduz muita amizade e alegria pelo regresso. Já nada tenho a dizer a não que já estou a saborear antecipadamente o prazer que irei ter com a leitura dos seus escritos, que como se prevê do seu entusiasmo e energia, irão ser abundantes e fortes.
Um abraço amigo
A. João Soares

david santos disse...

Boa tarde, João Soares.
Hoje mesmo vou começar a ver o que o João nos vai trazer de novo. Mas devagarinho e textos curtos. Quero ter tempo de espreitar o "veneno", está bem?
Um abraço, amigo João.~
Até sempre: david santos

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas