17 outubro 2006

Sócrates, o Cavaco da Esquerda?


De volta aos meus escritos e bem melhor de saúde, resolvi escrever sobre um assunto que muito provavelmente pode levantar polémica, mas a Voz do Povo é mesmo assim, sem amarras.
Resolvi escrever, sobre política, assunto que move uns e desinteressa a outros, consideram-me uma pessoa interessada pelo desenvolvimento do meus país e por esse motivo tenho de acompanhar a política, embora tenha um certo fascínio pela política. Caros amigos, este governo tem vindo a fazer reformas em tudo, na segurança social, na justiça, enfim em tudo, concordo com algumas reformas avançadas, concordo com o corte orçamental em algumas autarquias, concordo com o corte orçamental para a região autónoma da Madeira, quem cospe no prato que come, só ter tratamento destes, embora o povo não tenha de sofrer essas consequências. Penso que este governo está a mexer com os grupos instalados, caso foi a redução das férias judiciais que era um escândalo, eles revoltaram-se fizeram greve, mas tal como os outros tiveram de acatar, para mim esse grupo, o grupo dos funcionários judiciais e magistrados já devia ter sofrido estas consequências há já muito tempo, e já escrevi sobre isso, outra coisa que me agradou foi tocarem nos privilégios dos deputados, foi um bom avanço. De facto este governo está a trabalhar, se a economia cresce, pouco mas cresce, o défice diminui, é óbvio que estas reformas vão claramente prejudicar alguns sectores da sociedade, mas desde que seja para o bem da nação, eu concordo. Mas tem falhas, as políticas de desenvolvimento regional são fracas e parcas, existe um vazio na relação entre o poder central e as regiões mais pobres, é muito triste assistir-mos ao fraco desenvolvimento das nossas cidades. Mas a críticas também não podem ser sempre ao governo, os deputados eleitos pelos distritos muitas vezes não representam as suas origens, falo vos do caso especifico do meu distrito, Bragança, elege 4 deputados, e desses 4 a quando do encerramento da maternidade de Mirandela, ouvimos apenas 1 a manifestar apoio político, á nossa causa, o resto entregaram a população ás ortigas e palavras nem uma, e estaria aqui algum tempo a escrever se falasse de outras situações. Outro aspecto que este governo falha é nas políticas sociais, falham e de que maneira, falta de humanidade nas políticas sociais e um desprezo por essas políticas. O desinteresse pelo Exército e pelos que exercem serviço militar. Penso que não me esqueço nada. No entanto queria aqui dizer que louvo a atitude de voltar a referendar o aborto e aqui manifesto a minha opinião, sou a favor de um referendo ao Aborto e sou a favor da despenalização do Aborto em Portugal, e entendo que a Igreja não se deve intrometer nesta questão. No entanto estas medidas todas, penso que o Engº Sócrates tem de fazer mais, muito mais.
E fica aqui uma pergunta, Sócrates , o Cavaco da Esquerda?

Está aberto o espaço para o debate, vamos todos falar de Portugal, o Presente, e o Futuro.

3 comentários:

JOSÉ FARIA disse...

Amigo Rui TiliK, Boas!
Concordo plenamente consigo.
Alás, em relação à Madeira, até que enfim que alguém(Sócrates) teve a coragem de "amansar" aquela figura cheia de má educação, má postura e péssimo exemplo da classe política.
Nas questões sociais é que está o grande mal, sobretudo nas reformas que vão(estão) a afectar os que mais trabalham e menos ganham.
São sempre os mesmos, o povo, a ser desfalcado para aumentar as finanças públicas. Para salvar crises provocadas pelos bem afortunados, exploradores.
Alguns deles já estão a levar no "pêlo", mas continuam a haver muitos em gabinetes,com vencimentos mensais que são um contracenso às reformas que penalizam os mais "pequenos". Quero dizer, os trabalhadores!

Gostei muito Tulik, obrigado.
José Faria

MRelvas disse...

Caro Rui,respondi com um post.Acho que é um assunto muito importante.

Cumprimentos
Mário relvas

Mário Margaride disse...

Olá amigo Rui! Se calhar terá razão. É Uma personalidade muito semelhante, apenas com um desvio à esquerda. É determinado, é sério, ao contrário do que muitos apregoam.
Um abraço.
Mário Margaride.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas