12 outubro 2006

QUEM É QUE ESTÁ NA CAUDA DA EUROPA?!!!!!

Como é possível, que o nosso país, "cantinho à beira mar plantado", esteja na cauda da Europa, no que toca a poder de compra, salários, reformas, nível de vida...quando os nossos políticos são os que mais ganham a nível europeu?...
Com tantos impostos, para a classe trabalhadora, com os cortes (e tentativas de cortes) nos privilégios dos funcionários públicos, e com o constante aumento dos preços, quer seja do combustível, quer seja de qualquer bem de primeira necessidade (já não falo nos "pequenos luxos"), como é que, os senhores políticos, os "parasitas" da sociedade, que se passeiam à nossa custa, e que estão isentos de muitos dos impostos que "afligem" os cidadãos "normais" - quer independentemente de saúde, educação, ou seja o que for - auferem vencimentos acima dos 3500 ou 4000 euros mês (para falar apenas nos mais "pobrezitos")?
E resto da sociedade? Aqueles que verdadeiramente fazem alguma coisa...aqueles que trabalham ou trabalharam...que suaram, sangraram e choraram, para levar uma vida desafogada e para encher os cofres do Estado com os constantes impostos que lhes caíam em cima? Esqueceram-se deles nas isenções, nos aumentos salariais, ou nas reformas?
Porque é que continuamos a manter "vacas gordas" no "poleiro" político, quando o resto do país está "de tanga"...
Quando é que, esses senhores, dão o primeiro passo, e cortam nos seus próprios vencimentos e regalias?...
Será isto apenas um sonho?...

6 comentários:

JOSÉ FARIA disse...

Viva Amigo Danyel!
Acho que tem razão quando fala nas "vacas gordas" no "poleiro político" onde o "resto do País está de tanga".
E eu já nem diria "vacas gordas" mas as mesmas vacas de sempre... só que não dão leite, recebem-no, sugam-no. Quem o dá ou fica sem ele é o povo!
Sempre os mesmos e há demasiado tempo, alguns "nascidos" em 1974. Conhecem muito bem o jogo e continuam sempre a ganhar. Até mudam muitas vezes para o campo do adversário para não sairem do jogo.
E nós vámo-los aguentando com protestos, lamentos e tolerãncias.
As vanguardas não se entendem!?

Um abraço amigo Danyel

JOSÉ FARIA disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
MRelvas disse...

Caro danyel,de tanga,não...isso era no tempo do Durão.Quando ele disse isso caiu o Carmo e a Trindade.Agora,olhem para o país.Olhem para a conversa da treta do governo e seus intelectuais que já nem sabem o que fazer.O nosso 1º já diz que quando o barco for ao fundo os de 1º classe safam-se...será?
Isto meu amigo,onde não há pão todos ralham e todos têm razão.Reparem o estado do país...terá remédio?Só se for remédio para os ratos.Reparem nos políticos,criticam-se tratam-se mal e depois saiem da Assembleia e vão jantar todos e bem regados.Sabiam que um café lá é mais barato que num quartel?Sim ganham pouco!


BOA VAI ELA...

Abraços Danyel

MRelvas disse...

O baixinho quando foi governante (o Marques Pentes),podia ter feito o que diz querer fazer agora....

Fugi da casca e vim cá molhar os pés caro Victor...Foi só para não terem que andar cá-lá-cá!

Danyel disse...

...Bem, realmente, sr. MRelvas, a tanga não exactamente o termo correcto...talvez, cuequitas, ou "slips", que são masi baratuchos, não é? ehehehe

Um abraço sr. MRElvas e sr. José Faria

A. João Soares disse...

Meus amigos,

Nem tanga nem cuequitas, Hoje a moda que o (des)governo nos impõe é um reduzido «fio dental» !!!
Mas, graças à honestidade que, de vez em quando, lhes salta da boca, como diz o PM, as leis são iguais para todos. Imagine se o Zé do café de Piódão consegue ter duas ou três reformas e todas elas de milionário? Ou se ele pode circular impunemente na auto-estrada a mais de 200 Km/h. Ou se o seu filho consegue ser contratado como assessor com mais de uma fortuna por mês? Ou se arranja um «tachito» na EDP, na PT ou na GALP? Parece que ninguém tem dúvidas da importância «patriótica» das golden shares.
Mas a população em geral tem de apertar e voltar a apertar o cinto, perder apoios de saúde, pagar mais impostos, etc., etc. para eles terem a mangedoura bem recheada. Como o texto e os comentários anteriores dizem, isto não é pecha de um partido. São todos iguais.
Porque é que votamos? Porque é que não fazemos simplesmente duas diagonais no boletim de voto? Se todos o fizéssemos eles sentiam que tinham de se moralizar e passar a ser gente séria.
Abraços amigos para todos
A. João Soares

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas