18 setembro 2006

A VOZ DO POVO

É UM DIA, PODEM CRER...

Um dia, quando eu morrer,
a terra vai abanar,
é Deus do Céu a dizer,
para ninguém a amparar;
deixá-la morrer sem vida,
pois, mais nada vai nascer,
a terra já está perdida,
é Deus do Céu a dizer

2 comentários:

MRelvas disse...

Caro David,que pensamento tão pesado...mas enfim, parece real!

Um abraço!

david santos disse...

Um abraço, Relvas.
Eu sou como as frustrações e os ânimos. Se estou como as primeiras, sai como tal. Se estou como os segundos, sai na mesma. Nem sempre para um lado, nem sempre para o outro.
Um grande abraço, amigo.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas