05 outubro 2006

Consciências, precisam-se!

Há momentos na nossa vida, que gostaria de não ter razão, mas...infelizmente, tenho!
Ter ambição da perfeição, será sempre uma utopia, uma meta inatingível,
No entanto, todos a procuramos.
Mas, todos temos a consciência, dessa impossibilidade.
Todavia, temos que tentar sempre, ser mais justos, fraternos, e solidários.
Essa terá que ser, forçosamente, a grande meta a atingir por todos nós, senão...Estaremos condenar-nos a nós próprios, ao isolamento e á extinção.
O ser humano, é por definição, um ser sociável, comunitário.
Não nos podemos isolar, como se nada existisse à nossa volta, a não ser, nós próprios!
Temos que ter consciência, que somos obrigados a coabitar, uns com os outros.
Ajudarmo-nos, seja qual fôr raça, côr ou estracto social!
Não podemos permitir mais, esta ruptura, na solidariedade com os mais, carenciados!
Na nossa soberba esbanjadora, em gastos desnecessários, quando tantos, e tantos...morrem de fome!
Temos de uma vez por todas, parar!
Para reflectir-mos, em uníssono, no nosso próprio futuro!
Porque, a continuarmos assim...Não teremos futuro, nem para nós, nem para os nossos filhos!
E podem crer!
Que não é uma questão ideológica!
É sim, uma questão de sobrevivencia, de todos nós.
Quanto maior fôr o fosso, da desigualdade social...Mais insustentável se torna coabitar, sem que se gere conflitos sociais, graves.
A responsabilidade, não é só dos governantes!
É de todos!
Principalmente, dos que esbanjam á descarada, em futilidades...Milhões!
Enquanto outros milhões, mas de pessoas...Morrem, na mais profunda miséria, e abandono!
Tenho a esperança, que ainda possamos ir a tempo, de evitar conflitos sociais, de porporções insustentáveis, que seriam concerteza, impossíveis de controlar.
E que em consciência, ninguém desejará.
Mas será que existe, essa consciência?
É uma pergunta que fica no ar, para que todos possamos, reflectir!

4 comentários:

MRelvas disse...

Em primeiro lugar caro Mário Margaride,aceite os meus parabéns por continuar voz activa na vozdopovo!
Agora quero dizer que quanto ao texto estou de acordo totalmente.Terminando para dizer que eu estou no dia a dia em permanente interrogação sobre a pergunta que deixa no ar,no final.
As futilidades do homem levam-no à perca da realidade social e do bem!
A sociedade suicida-se,devagarinho,nos seus consumismos exagerados,na falta de cooperação,de interrogações,de falta de ideais e fruto de uma globalização em que o homem esquece as raízes de seu povo para querer ser aquilo que não é...

Sejamos solidários...uns com os outros!

Amar...amar!

Um abraço caro Mário Margaride

david santos disse...

É verdade, Mário. Muito verdade. "Consciências, precisam-se!"
Mas também não é menos verdade, que os limites de alguns, até por interesses inconfessados, sentem-se melhor com a falta dela. Mas a vida é assim. Contudo, nós, eu, ó Mário e quantos outros, felizmente muitos, teremosque continuar a "martelar" em cima das inconscências e tentar trazê-las ao seio da consciência.
Só assim estaremos a reforçar a nossa e a libertar a dos outros. Dos que a não têm.
Um grande abraço, amigo Mário.
Até sempre: david santos. Ah, amigo Mário, se souber diga-me o que são aqueles pontos à frente do profile, pois se for dinheiro quero levantá-lo. Um abraço.

MRelvas disse...

Caro Mário Margaride,viva!

Venho pedir-lhe que não descure os seus textos aqui na voz.Peço o mesmo a todos,Victor,David,Faria,Rui,Conceição e todos...

A bem do confronto de ideias e de
discussão das temáticas.
Um abraço
Mário Relvas

JOSÉ FARIA disse...

Ah! Amigo Mário Relvas. Esta colaboração com o associativismo da terra (colectividades culturais, desportivas e recreativas, rovam-me tempo e dão-me saber: colaborar, divulgar e até declamar os meus versos, tantas veses criados para o momento; até o serviço burocrático do meu condomínio. E primeiro está a vida profissional.
Ah! Que eu queria tanto estar aposentado para poder andar mais! E agora o meu neto nascido a 18 de Setembro, para onde me virar?
E mais agora com a nossa Voz do Povo no auge!
Quase precisava do tempo todo para ler, reler, aprender Postar e comentar.
AH! Vou tentar, vou tentar.
Um grande abraço.

Prémio

Prémio
Atribuído Pela nossa querida amiga e colaboradora deste espaço, a Marcela Isabel Silveira. Em meu nome, e dos nossos colaboradores, OBRIGADO.

Indicadores de Interesse

My Popularity (by popuri.us)

DESDE 11 DE JUNHO DE 2010

free counters

Twitter

eXTReMe Tracker

Etiquetas